Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
27°
cotação atual R$

Notícias / Notícias Pará

PREJUÍZOS

Toda a população perde: mais de mil hidrômetros foram furtados desde o início do ano

quarta-feira, 13/11/2019, 20:11 - Atualizado em 13/11/2019, 20:16 - Autor: DOL


Os bairros com maior número de registros são: Campina, Batista Campos e Condor, todos em Belém
Os bairros com maior número de registros são: Campina, Batista Campos e Condor, todos em Belém | Ascom/Cosanpa

Mais de mil hidrômetros foram furtados desde o início no Pará. O levantamento foi feito pela Companhia de Saneamento do Pará (Cosanpa), que recebeu 1041 registros do extravio do aparelho. Os bairros com maior número de registros são: Campina, Batista Campos e Condor, todos em Belém. 

Segundo o órgão, toda a população perde com os furtos, que causam danos à tubulação, gerando falta de água e desperdício. Os custos com a reposição do hidrômetro, uma vez que por ser uma empresa pública o aparelho furtado não é cobrado, chegam a R$ 295, dinheiro que poderia ser somado a outros investimentos.

COMO PROCEDER?

Se você teve o hidrômetro furtado, faça um registro nos canais de atendimento à Cosanpa para que o vazamento provocado pelo crime seja sanado e o serviço de água seja restabelecido. O prazo de atendimento é de até 24 horas. Em relação a instalação de um novo hidrômetro, o prazo é de até 90 dias e é necessário o registro da ocorrência policial.

(Com informações da Agência Pará)

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS