Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
26°
cotação atual R$

Notícias / Notícias Pará

EXECUÇÃO

Primo de vereador sofre surto psicótico e é morto a tiros por PM

sexta-feira, 08/11/2019, 09:08 - Atualizado em 08/11/2019, 09:07 - Autor: Com informações do portal Meio Norte


Para conter a vítima, a PM desferiu alguns tiros nele, que sofreu uma hemorragia. Antônio foi socorrido, mas não resistiu as ferimentos.
Para conter a vítima, a PM desferiu alguns tiros nele, que sofreu uma hemorragia. Antônio foi socorrido, mas não resistiu as ferimentos. | Reprodução

Antônio Francisco da Silva, mais conhecido por Gilson Silva, foi morto por um policial militar após um surto psicótico, na tarde da última quarta-feira (6), no município de Guiratinga, no Mato Grosso do Sul.

Ao que tudo indica, a vítima tinha problemas psiquiátricos e, ao ser atendido em um hospital, ele teria fugido e passado a atacar pessoas na rua. Os ataques eram com pedradas, mordidas e pauladas.

Veja o vídeo!

Reprodução
 

De acordo com o Tenente da Polícia Militar, Jeferson, uma ocorrência estava em andamento e o suspeito havia sido preso. Ele foi liberado em seguida, mas de novo teve um descontrole e começou a agredir algumas pessoas com pedradas e pauladas e entre as vítimas estava uma garota que chegou a ser mordida no rosto.

Reprodução
 

A PM foi acionada novamente para conter Antônio, que resistiu. Mas por apresentar um porte físico forte, a PM desferiu dois tiros para tentar conter o homem. Um dos disparos atingiu a perna da vítima, onde uma veia femoral foi atingida. O tiro causou hemorragia. A vítima foi socorrida e levada para um hospital, mas não resistiu aos ferimentos e morreu.

Antônio era natural do Piauí, mas morava há alguns anos no Mato Grosso. Ele mudou para a região, em busca de melhores condições de vida e oportunidades de trabalho. Ele também era primo do Vereador Gilmar Filho.

 

Para conter a vítima, a PM desferiu alguns tiros nele, que sofreu uma hemorragia. Antônio foi socorrido, mas não resistiu as ferimentos.
Para conter a vítima, a PM desferiu alguns tiros nele, que sofreu uma hemorragia. Antônio foi socorrido, mas não resistiu as ferimentos. | Reprodução
Para conter a vítima, a PM desferiu alguns tiros nele, que sofreu uma hemorragia. Antônio foi socorrido, mas não resistiu as ferimentos. | Reprodução

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS