Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
28°
cotação atual R$

Notícias / Notícias Pará

MANDADOS DE PRISÃO

Operação Expecto Patronum prende 15 'trouxas' em Barcarena 

sábado, 24/08/2019, 08:36 - Atualizado em 24/08/2019, 08:36 - Autor: DOL


| Divulgação/Polícia Civil

A Polícia Civil deflagrou a operação Expecto, na sexta-feira (23), realizando o cumprimento de mandados de busca e apreensão e prisão preventiva em Barcarena.

A operação aconteceu na Vila dos Cabanos, Vila do Conde e Trambioca. 

O cumprimento dos mandados tinha como objetivo prender Renan Diego Ferreira Monteiro e apreender uma adolescente de 17 anos.

Os dois eram pai e madrasta de uma criança com iniciais A.F.L de apenas quatros anos, morta na última quarta-feira (21), após Renan levá-lo machucado para a uma unidade de pronto atendimento (UPA), afirmando que a criança teria caído de bicicleta. No entanto, investigações da polícia apontaram que a criança havia sido estuprada e torturada. A violência sexual foi grave o que fez com que uma perfuração no intestino ocasionasse a morte da criança.  

O Centro de Perícias Científicas Renato Chaves constatou a presença de esperma na criança. Com isso, as ordens de busca e apreensão foram expedidas. 

A crueldade no caso deixou moradores da região revoltados e até apelidaram os presos de “casal Nardoni paraense”. Os dois estão à disposição da Justiça. 

Aldenor Guimarães Brito Filho, também foi preso acusado pelo crime de estupro de vulnerável. 

Ao todo 15 pessoas foram presas na operação Expecto Patronum , sendo 13 em prisão preventiva e outras duas em flagrante. 

| Divulgação/Polícia Civil
| Divulgação/Polícia Civil

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS