Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis


27°
R$
Pará

Engasgo em bebês e crianças: Corpo de Bombeiros ensina como proceder!

quinta-feira, 06/06/2019, 10:47 - Atualizado em 06/06/2019, 12:40 - Autor:


Tosse ou respiração ruidosa; lábios ou pele azuladas; esforço grande para respirar e eventual perda de consciência são os sinais mais comuns de engasgamento. Mas você sabe o que fazer? Como proceder?



De acordo com o capitão Marcos Leão, do Corpo de Bombeiros do Pará, as causas mais comuns do engasgamento infantil são leite materno e objetos colocados na boca, como moedas ou brinquedos pequenos.


O engasgo ocorre quando a criança engole algo grande o suficiente para bloquear as vias aéreas, ficando difícil ou impossível de respirar.



O tenente Luiz Carlos da Cunha Feitosa, do Corpo de Bombeiros do Pará, destaca que por mais desesperador que seja o quadro, é preciso manter a calma para ajudar a criança a desengasgar.


Sintomas que não cedem ou se intensificam indicam a necessidade urgente de buscar atendimento médico com urgência.



Engasgo: o que fazer?


No vídeo abaixo, o capitão e o tenente do Corpo de Bombeiros explicam o que fazer e como socorrer o bebê ou a criança em casos de engasgos. Veja:



Criança salva por policiais


No final do mês de maio, a pequena Maria Alice, uma bebê de apenas 8 meses foi salva policiais rodoviários estaduais do Pará. Ela estava engasgada, não conseguia respirar e chegou a sofrer uma convulsão. 



Maria já estava roxa e gelada quando chegaram ao posto da Polícia Rodoviária Estadual (PRE), na rodovia PA-391. O sargento relata que após 5 minutos fazendo Reanimação Cardiopulmonar (RCP) a menina começou a reagir. 




Policial salvou a vida da criança que estava engasgada. (Foto: Via Whatsapp)





 




Pais da criança com policiais rodoviários estaduais do Pará. (Foto: DOL)


Leia também:



Reportagem: Andressa Ferreira


Multimídia: Demax Silva e Gabriel Caldas


Coordenação: Enderson Oliveira

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS