Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis


31°
R$
Pará

Sebrae no Pará promove encontro com governador e parlamentares

sexta-feira, 15/03/2019, 16:30 - Atualizado em 15/03/2019, 17:58 - Autor:


Os dirigentes do Sebrae no Pará  receberão, na sede em Belém, na próxima segunda-feira, 18, o governador Helder Barbalho, deputados federais e senadores da bancada paraense no Congresso Nacional. O objetivo da conversa é estreitar relação entre a entidade e os poderes executivo e legislativo em prol do fomento ao empreendedorismo e do desenvolvimento dos pequenos negócios paraenses  - Microempreendedores Endividuais e Micro e Pequenas Empresas – incluindo também, nesse público, pequenos produtores rurais.


Os representantes do Executivo e Legislativo serão recebidos por Sebastião Campos, presidente do Conselho Deliberativo Estadual e Rubens Magno, diretor-superintendente do Sebrae no Pará. “Queremos falar da importância do Sistema para a economia do estado e para a geração de emprego e renda e, nossa intenção é fortalecer a atuação junto aos parlamentos e governo visando políticas públicas que favoreçam os pequenos negócios”, comentou Rubens Magno.


Também participam do encontro representantes de entidades do Sistema S no Pará – Sest/Senat, Sesc/Senac, Sesi/Senai e Senar, os diretores do Sebrae no Pará Cássia Costa (administrativa e financeira) e Fabrizio Guaglianone (técnico) e membros do Conselho Deliberativo da instituição.   


Rubens lembra que os poderes executivo e legislativo têm papel importante para a criação de um ambiente favorável ao empreendedorismo e ao desenvolvimento de pequenos negócios, em especial com a elaboração e implementação de políticas públicas que beneficiem esse segmento. A sobrevivência dos pequenos negócios está diretamente relacionada a algum tipo de tratamento diferenciado, como os que estão previstos na Lei Geral da Micro e Pequenas Empresa, que está em vigor desde dezembro de 2003.


Economia


O Sebrae no Pará atende a um público que é um dos pilares estratégicos de desenvolvimento socioeconômico do Estado por sua forte atuação na geração de emprego e distribuição de renda. No Pará, atualmente são mais de 250 mil microempreendedores individuais e micro e pequenas empresas, que são responsáveis pela geração de 336 mil empregos e por 14,4% do PIB (Produto Interno Bruto).  


(Com informações da Assessoria)


Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS