Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis


23°
R$

Notícias / Mundo-Notícias

Mundo-Notícias

Coca-cola pretende lançar bebidas à base de maconha

segunda-feira, 17/09/2018, 21:58 - Atualizado em 17/09/2018, 21:58 - Autor:


De olho no futuro do mercado, a gigante Coca-cola pretende se lançar no mercado da maconha. A companhia informou nesta segunda-feira (17) que estuda a possibilidade de entrar no crescente mercado dos produtos à base de cannabis. A empresa pretende se lançar primeiramente no mercado das infusões.


O comunicado da empresa foi divulgado depois que a agência Bloomberg revelou que a famosa marca de bebidas está em conversações com a Aurora Cannabis Inc., uma companhia com sede em Edmonton (Canadá) que tem licença para produzir a erva.


A bebida conteria canabidol (CBD), que é um dos componentes presentes na Cannabis, mas que, ao contrário do THC (tetrahidrocanabinol), não é uma substância psicoativa, e por isso é legal em muitos países.


Esse novo movimento da The Coca-Cola Company é parte da sua estratégia de diversificar sua oferta de bebidas. Em março deste ano, a empresa anunciou que lançaria no Japão o primeiro produto alcoólico da sua história. O fabricante de refrigerantes também chegou recentemente a um acordo de colaboração com a Bodyarmor, empresa especializada em bebidas isotônicas, da qual é acionista o ex-jogador de basquete Kobe Bryant. Nessa transação, o gigante norte-americano se tornou acionista minoritário da Bordyarmor.


A indústria da maconha desperta o interesse de grandes empresas desde que o Canadá e vários Estados dos EUA – como a Califórnia – legalizaram o uso recreativo dessa droga. A partir de 17 de outubro a maconha será legal no Canadá, onde as duas câmaras do Parlamento autorizaram seu uso recreativo. Entretanto, as companhias norte-americanas se mantêm cautelosas: têm medo de entrarem em um negócio que é ilegal nos EUA, segundo as leis federais.


(Fonte: El País)

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS