Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
27°
cotação atual R$

Notícias / Mundo-Notícias

´CONFLITO NO ORIENTE MÉDIO

Irã derrubou avião ucraniano por engano, dizem EUA e Canadá 

quinta-feira, 09/01/2020, 20:39 - Atualizado em 09/01/2020, 20:40 - Autor: Diário Online


destroços do avião foram encontrados a quilomêtros de distância da queda.
destroços do avião foram encontrados a quilomêtros de distância da queda. | reprodução

A queda do avião ucraniano com 176 pessoas a bordo na quarta-feira (8) foi causado pelo Irã. É o que afirmaram autoridades dos EUA e Canadá esta quinta-feira (09).

O primeiro-ministro do Canadá, Justin Trudeau afirmou, durante pronunciamento na tarde de hoje, que o Boeing 737-800 da companhia Ukranian International Aitlines foi atingido pelo sistema antimíssil iraniano. Todos a bordo morreram.

À imprensa americana, fontes oficiais (que falaram sob condição de anonimato) afirmaram que as agências de inteligência do governo dos Estados Unidos creem que ao menos um míssil iraniano atingiu o avião comercial. Uma delas afirmou ao jornal The New York Times que as autoridades têm um "alto nível de confiança" sobre o que aconteceu, ressaltando a crença de que a ação foi acidental.

O governo da Ucrânia disse que estava investigando se a aeronave havia sido atingida por um míssil, mas o Irã descartou essa possibilidade.

O chefe da Organização de Aviação Civil do Irã, Ali Abedzadeh, é "cientificamente impossível que um míssil tenha atingido o avião ucraniano, e esses rumores não têm lógica". A declaração foi citada pela agência oficial iraniana Isna.

Conflito

As tensões entre EUA e Irã aumentaram após a morte de Qasem Soleimani, ex-chefe da Força Quds iraniana, uma espécie de exército especial do Estado. O comandante iraniano, que era um dos homens mais próximos do Líder Supremo do Irã, Ali Khamenei, foi morto num bombardeio feito pelos EUA no Iraque. Khamenei prometeu uma “grande vingança” contra os EUA, e desde então as ameaças entre as duas potências intensificam-se a cada dia.

A origem do conflito entre as duas potências remonta ao período da Guerra Fria, quando EUA e a então União Soviética disputavam suas influências pelo globo. O Iraque, invadido pelos EUA em meados de 2000, é o território disputado por Irã (de maioria Xiita) e Rússia, de um lado, e EUA e Arábia Saudita (de maioria sunita), por outro. As duas forças tentam impor influência no governo iraquiano, causando conflitos étnicos e sociais pelo já devastado país.

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS