Diário Online

Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
24°
cotação atual R$

Notícias / Marabá

VIOLÊNCIA DOMÉSTICA

Paraense de 13 anos é agredida por namorado boliviano 30 anos mais velho em Marabá

Segundo informações, ambos viviam como um casal. O homem era 30 anos mais velho que a jovem

terça-feira, 16/03/2021, 15:12 - Atualizado em 16/03/2021, 15:12 - Autor: Com informações Correio de Carajás


Além do crime de agressão, o autor deve responder por fornecer bebida alcoólica a menor de idade
Além do crime de agressão, o autor deve responder por fornecer bebida alcoólica a menor de idade | Reprodução

Um caso de violência doméstica com cárcere privado, contra uma adolescente de apenas 13 anos, foi registrado na noite de ontem (15), em Marabá, no sudeste paraense. O homem apontado como autor do crime é um boliviano identificado como Wilson Ramirez Rocha, de 43 anos. Ele foi preso em flagrante.

Segundo o portal Debate Carajás, o crime ocorreu na Vila Sororó, zona rural de Marabá.

A Polícia Militar foi acionada após denúncia anônima com a informação de um possível cárcere privado ocorrendo na Rua do Campo, próximo à Igreja Católica. Uma equipe se deslocou ao local e encontrou a adolescente chorando e afirmando que havia sido agredida fisicamente por Wilson.

Em conversa com os militares, a vítima informou que estava bebendo na companhia do agressor e que este, também embriagado, começou e empurrá-la.

Wilson, que é natural da Bolívia e reside legalmente no Brasil, foi levado algemado à Seccional da Polícia Civil Urbana, onde foi autuado por violência doméstica e por ceder bebida alcoólica a menor de idade, a pena de detenção é de dois a quatro anos, mais multa de três a dez mil reais.

Segundo informações relatadas pelo site de notícias, Wilson e a adolescente viviam como um casal.

A Polícia Civil vai investigar se houve situação de cárcere privado e também de estupro de vulnerável em decorrência da idade da vítima.

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS