Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
26°
cotação atual R$

Notícias / Marabá

OPERAÇÃO MALINOIS

Homens são presos por traficar drogas pelos Correios

Foi a terceira fase da "Operação Malinois. Um terceiro suspeito é considerado foragido da Justiça

quinta-feira, 10/09/2020, 21:07 - Atualizado em 10/09/2020, 21:18 - Autor: Da Sucursal de Marabá


| Divulgação/Polícia Federal

A Polícia Federal deflagrou na manhã desta quarta-feira (9) a terceira fase da "Operação Malinois" que tem como objetivo desarticular um grupo criminoso responsável pelo tráfico ilícito de entorpecentes em âmbito interestadual.

Foram expedidos três mandados de busca e apreensão e três mandados de prisão preventiva.

Segundo a Polícia Federal, duas pessoas foram presas e uma terceira é considerada foragida.

O policias apreenderam mídias e celulares usados pelos suspeitos.

De acordo com o delegado Geraldo Almeida, em entrevista por telefone na noite de ontem a investigação iniciou no dia 26 de maio deste ano com apreensão e prisão de um suspeito que vendia drogas que vinham de outros estados. "Transportada pelos Correios", de acordo com o delegado.

Com base nas informações que foram obtidas com a prisão, a Polícia Federal representou por medidas cautelares, e as medidas foram cumpridas no dia 29 de maio configurando a segunda fase da operação. "Com isso, durante as investigações, foram obtidas novas provas que confirmaram a participação dos outros presos, os outros investigados no crime ocorrido no dia 26 e no dia de ontem (quarta-feira, dia 9), foram cumpridos dois mandados de busca e dois mandados de prisão preventiva, isso dentro da mesma operação, sendo assim a terceira fase da investigação, a fase ostensiva", declarou o delegado da Polícia Federal Geraldo Almeida.

A Polícia Federal informa que o grupo atuava recebendo de outros Estados, entorpecentes e substâncias para o refino por meio dos Correios. Após o recebimento e processamento das drogas, a comercialização era feita em Marabá. Os nomes dos suspeitos presos não foram divulgados.

Ainda segundo a PF, as investigações começaram no início deste ano, após a apreensão de meio quilo de substância utilizada para o refino de cocaína e a prisão em flagrante de um dos integrantes do grupo criminoso. Os detidos irão responder por tráfico e associação ao tráfico de entorpecentes, previsto nos artigos 33 e 35 da lei n° 11.343/06, com penas podendo chegar a até 30 anos de reclusão.

MALIONOIS

A Operação se chama "Malinois" em homenagem a uma raça de um cão farejador bastante utilizado para farejar drogas no mundo todo.

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS