Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
27°
cotação atual R$

Notícias / Marabá

CHEIAS DOS RIOS

Famílias que estão em abrigos recebem cestas básicas em Marabá

quarta-feira, 25/03/2020, 22:55 - Atualizado em 25/03/2020, 22:55 - Autor: Alessandra Gonçalves/Diário do Pará


| Divulgação

Famílias que estão em abrigos começaram a receber as cestas básicas enviadas pelo Governo do Estado. O número de famílias desabrigadas pelas cheias dos rios Tocantins e Itacaiúnas chegou a 1.494, o que corresponde a 5.976 pessoas.

Dados da Defesa Civil apontam ainda que 9.224 pessoas estão sendo atingidas direta ou indiretamente pela cheia no município. No total há 15 abrigos espalhados pela Marabá Pioneira, Cidade Nova, Nova Marabá, Morada Nova e São Félix.  

Ao total, serão distribuídas duas mil cestas disponibilizadas pelo Governo do Estado, além das disponibilizadas pela Prefeitura Municipal de Marabá. Uma remessa das cestas foi enviada pelo governador Helder Barbalho no último sábado (21) e a outra chegou nesta quarta-feira (25).  

Uma das beneficiadas foi Antônia Coelho, que foi receber a sua cesta básica, acompanhada do padrasto. Eles estão abrigados no campo do Tatuzão, no Bairro Vale do Itacaiúnas. “Nesses dias o dinheiro que tínhamos acabou, pois gastamos nessa enchente e esta cesta veio em bom tempo porque ajuda e muito”, disse Antônia.

De acordo com o secretário Regional de Governo, João Chamon, os alimentos ficaram alojados no quartel do 5º Grupamento do Corpo de Bombeiros para conferência e organização, sendo que no início da semana começaram a ser distribuídos pela Defesa Civil Municipal e Corpo de Bombeiros. “A Secretaria Regional de Governo está na dianteira dessas ações, junto com os bombeiros e a Defesa Civil, além dos órgãos federais para amenizar o sofrimento desses nossos irmãos que estão vivendo o inesperado", destacou.

Para a secretária de Assistência Social de Marabá, Nadjalúcia Oliveira, a chegada do novo lote com cestas de alimentos é uma ótima notícia visto que o município não conta só com abrigados em abrigos, mas os alojados que estão na casa de familiares ou amigos. “Com esse complemento dará pra a gente fazer esse levantamento para que os alojados também possam receber e de preferência que eles venham buscar aqui mesmo na sede do Corpo de Bombeiros”, afirma.

A nova remessa dos alimentos será distribuída pelo próprio Corpo de Bombeiros. A distribuição será para as famílias cadastradas pela Secretaria Municipal de Assistência Social, que também acompanhará a ação.  

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS