Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
27°
cotação atual R$
Elas

Remédios caseiros para corrimento vaginal; aprenda como fazer!

quinta-feira, 02/08/2018, 13:41 - Atualizado em 02/08/2018, 13:41 - Autor:


Você sabia que o corrimento vaginal pode ser tratado com remédios caseiros e com alimentação adequada? No entanto, caso o corrimento persista mesmo após três dias de tratamento, é aconselhado ir ao ginecologista. As informações são do portal Tua Saúde.



O chá de goiabeira, por exemplo, é um ótimo remédio caseiro para acabar com o corrimento vaginal do tipo amarelo-esverdeado e com mau cheiro ou com o corrimento branco, tipo leite coalhado.


Aprenda a fazer:


CHÁ DE GOIABEIRA


Ingredientes


 30 g de folhas de goiabeira e 1 litro de água


Modo de preparo


Ferva a água e desligue o fogo. Depois acrescente a erva e abafe durante 3 a 5 minutos. Após o tempo, coe e faça um banho de assento com o chá, lavando cuidadosamente toda a região genital. Repita o procedimento de 2 a 3 vezes ao dia.


O banho de assento com as folhas de goiabeira é eficaz no tratamento do corrimento causado por Tricomoníase e Candidíase. Além disso, o remédio caseiro é seguro e não causa efeitos colaterais, nem possui contraindicações.


CHÁ DE BOIABEIRA E VASSOURINHA-DOCE


Ingredientes


1 punhado de folhas de goiabeira; 1 punhado de folhas de vassourinha-doce e 2 copos de água


Modo de preparo


Coloque as folhas de goiabeira e de vassourinha-doce em um recipiente e adicione água fervida. Tampe, deixer esfriar e coe. Faça a higiene íntima normalmente e, quando acabar, lave o local com o chá durante alguns minutos. Seque com um pano limpo e macio. Deve-se repetir a lavagem todos os dias antes de ir deitar durante uma semana.



ALIMENTAÇÃO


Além do banho de assento, uma alimentação adequada pode ajudar no tratamento do corrimento. Consuma frutas, legumes e verduras, e evite ao máximo o consumo de alimentos industrializados. Iogurte natural, chicória, couve, limão, melão e romã são os alimentos mais indicados para complementar o tratamento.


(Com informações do portal Tua Saúde)

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS