Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
23°
cotação atual R$
Elas

Receita alisa e melhora a aparência da pele

quinta-feira, 05/01/2017, 11:20 - Atualizado em 05/01/2017, 11:20 - Autor:


Acnes e espinhas são problemas de pele bastante comuns. E, dependendo do tratamento, as pessoas podem ficar com marcas escuras e cicatrizes. 


Uma máscara com ingredientes naturais é muito eficiente em ajudar a combater esses problemas. Além disso, se usada regularmente, também ajuda no tratamento de manchas, cicatrizes e rugas no rosto, deixando a pele macia e suave.


Veja como fazer:


INGREDIENTES 


1 colher (chá) de mel 


1 colher (chá) de suco de limão


Meia colher (chá) de canela 


Meia colher (chá) de noz-moscada

MODO DE PREPARO


Misture todos os ingredientes e dilua com água até alcançar a textura desejada. Caso você tenha pele sensível, diminua a quantidade de suco de limão ou simplesmente retire da receita. Adicione o mel para a mistura ficar grossa. 


O uso do mel não é recomendado para pessoas que sofrem de telangiectasia, rosácea e outras doenças vasculares da pele, pois alarga os vasos sanguíneos. Assim, se este for o seu caso, utilize argila branca ou verde para substituir o mel. 


Passe a pasta no rosto, mas evite a área dos olhos e da boca. Deixe a mistura agir por 30 minutos.


Caso não consiga suportar a sensação de queimação, deixe agir por menos tempo. A sensação de formigamento normalmente se acalma nos primeiros 5 minutos e depois desaparece.


Em seguida, lave o rosto com água morna e aplique um creme hidratante. Esta máscara não deve ser utilizada para esfoliar a pele e deve ser sempre aplicada à noite. Você deve aplicá-la de duas a três vezes por semana. 


Por precaução, faça um teste para ver se você tem alergia aos ingredientes da fórmula: aplique atrás da orelha a quantidade suficiente para cobrir uma área de cerca de 1 cm. Espere meia hora e veja se depois deste tempo ocorre vermelhidão intensa. Se não houver, pode usar a máscara.


Esta receira não substitui a consulta a um médico especialista.


(Com informações do R7)

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS