Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
30°
cotação atual R$
ENALTECER

Dia Internacional da Mulher - Empreender para sobreviver

quinta-feira, 05/03/2020, 12:02 - Atualizado em 05/03/2020, 12:15 - Autor: Bruna Dias


Atualmente, Maria Helena Galdino é dona do seu negócio.
Atualmente, Maria Helena Galdino é dona do seu negócio. |

Maria Helena Galdino e Eliane Rodrigues transformaram a necessidade financeira e viram nela uma opção: empreender para sobreviver. Por motivos distintos, essas mulheres precisaram encontrar nas próprias habilidades a chance de fugir do desemprego e pagar as contas.

Como citado, na atualidade, empreender virou muito mais sinônimo de sobrevivência do que de escolha. Mas essas empresárias são apenas exemplos que refletem a sociedade brasileira. O número de mulheres que são responsáveis financeiramente pelas suas casas cresceu, são 34,4 milhões, de acordo com o IBGE.

No Pará, segundo o Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (DIEESE), 8.718 mulheres se tornaram donas do próprio negócio, no 4º trimestre de 2019. Desse número, apenas 1.967 tiveram registro de Cadastro Nacional da Pessoa Jurídica (CNPJ).

Eliane comandando um dia de trabalho.
Eliane comandando um dia de trabalho. Reprodução
 

Em 2015, o percentual de domicílios brasileiros comandados por mulheres era de 25%, em 2018 esse número saltou para 45%.

Empoderar é a palavra-chave para essa crescente, mas a crise econômica é a resposta. Entre 2014 a 2019, cerca de 10 milhões de mulheres assumiram essa referência familiar, foram 2,8 milhões de homens nessa função.

Conheça mais da história de Maria Helena Galdino e Eliane Rodrigues:


EMPREENDIMENTO FEMININO ENCONTRA APOIO

O Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), atua em 12 territórios e sete bairros vulneráveis socialmente, com sete planos de trabalhos desenvolvidos socialmente para as mulheres.  

Descobrindo habilidades e dando direcionamento para quem deseja ter seu próprio negócio entendo do mercado, Leda Magno, gerente do Sebrae na Região Metropolitana de Belém (RMB), fala sobre o estímulo do empreendedorismo feminino.

Vale lembrar, que é necessário ter em mente um check list para iniciar um empreendimento seguro: Esfera de ideação, prototipagem, validação, plano de negócios, reconhecimento e as ações de ecodesenvolvimento do comportamento empreendedor e de gestão de negócios

Atualmente, Maria Helena Galdino é dona do seu negócio.
Atualmente, Maria Helena Galdino é dona do seu negócio. |
Eliane comandando um dia de trabalho.
Atualmente, Maria Helena Galdino é dona do seu negócio. |

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS