Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
28°
cotação atual R$
SEXO E RELACIONAMENTO

Pesquisa revela ‘trio de ouro’ para orgasmo feminino infalível 

quinta-feira, 03/10/2019, 15:35 - Atualizado em 03/10/2019, 15:45 - Autor: DOL


| Reprodução

Uma pesquisa divulgada pela revista Archives of Sexual Behavior sugeriu uma “receita” que aumentaria, e muito, as chances das mulheres chegaram ao orgasmo durante as relações sexuais: o estudo apresenta o que chama de “trio de ouro” para que as mulheres atinjam o ápice do prazer, e minimiza o papel da penetração nesse processo. 

Ela entende! Confira 7 conselhos de Geisy Arruda para você ter orgasmos como nunca

Confira 12 coisas impressionantes que acontecem quando você atinge o orgasmo

Quer provar? Sugadores de clitóris prometem orgasmo em 2 minutos

Aplicativo em que usuários pagam carona com sexo chegará ao Brasil em 2020

Participante da 'Fazenda' tem vídeo de sexo explícito vazado; veja fotos

Os estudiosos analisaram as respostas de 52 mil pessoas em uma pesquisa online, que foi hospedada no site da NCB News. Os participantes tinham idades entre 18 e 65 anos e deviam estar em um relacionamento sério – heterossexual, bissexual ou homossexual.

De acordo com a pesquisa, apenas 35% das mulheres heterossexuais “sempre ou geralmente” têm um orgasmo durante o sexo vaginal. E 44% das entrevistas confessou raramente ou nunca terem tido um orgasmo apenas com esse tipo de estímulo.

Por outro lado, 80% das mulheres heterossexuais e 91% das lésbicas afirmaram que o orgasmo é praticamente certo quando há estimulação genital, beijo profundo e sexo oral – mas sem penetração. A essa combinação, os pesquisadores chamaram de “trio de ouro”.

“Cerca de 30% dos homens pensam que a relação sexual é a melhor maneira de as mulheres terem orgasmo, e isso é uma figura trágica, porque não poderia estar mais incorreta”, disse a coautora da pesquisa, Elisabeth Lloyd, professora de biologia na Universidade de Indiana.

Outra informação importante, e que reforça estudos anteriores, é de que mulheres heterossexuais têm orgasmos com menos frequência.

Enquanto 95% dos homens héteros afirmaram que sempre têm orgasmo quando transam, apenas 65% das mulheres com a mesma orientação compartilham a experiência. Em contraste, o número de homens gays que sempre têm orgasmos quando transam é de 89%; mulheres lésbicas, 86%; homens bissexuais, 88%; e mulheres bissexuais, 66%.

(Com informações do portal Metrópoles)

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS