Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
25°
cotação atual R$

Notícias / Cursos & Empregos

PROCESSO SELETIVO

Programa de Residência Médica da Uepa inscreve até o dia 19 de novembro

São 218 vagas distribuídas para Belém, Ananindeua e Santarém, com previsão para início no ano de 2021

sexta-feira, 13/11/2020, 19:01 - Atualizado em 13/11/2020, 19:01 - Autor: Agência Pará


A Universidade do Estado do Pará (Uepa) está com inscrições abertas, até o próximo dia 19 de novembro, para o Processo Seletivo Unificado dos Programas de Residência Médica (PRM). As 218 vagas estão distribuídas nas cidades de Belém, Ananindeua e Santarém, com previsão para início no ano de 2021. A inscrição custa $400 e deve ser feita exclusivamente pela internet.

Do total de vagas que o PRM ofertará, 188 especialidades são para as cidades de Belém e Ananindeua e as outras 30 para o município de Santarém. Seguindo as normas estabelecidas pela Comissão Nacional de Residência Médica (CNRM) e Comissão de Residência Médica (Coreme) da Uepa, as oportunidades serão disponibilizadas nas seguintes instituições, além da própria Universidade: Hospital Ophir Loyola (HOL), Fundação Hospital de Clínicas Gaspar Vianna (FHCGV), Fundação Santa Casa de Misericórdia do Pará (FSCMPA), Hospital Metropolitano de Urgência e Emergência (HMUE) e Hospital do Pronto Socorro Mário Pinotti (HPSMMP).

Segundo a coordenadora da Comissão de Residência Médica da Uepa, Regina Carneiro, o PRM é essencial para atualização e manutenção do quadro profissional de médico dentro do território brasileiro e, no caso específico, no estado do Pará em função da possibilidade de fixação de profissionais formados na região dos campi interiorizados.

"Todo programa de residência credenciado pela Comissão Nacional de Residência Médica tem grande importância na saúde brasileira, pois é nele que os médicos se capacitam nas especialidades médicas. No caso da Uepa, temos uma importância a mais por podermos, através do campus de Santarém, ofertar residências fora da capital, favorecendo médicos formados no interior, e assim ajudar na fixação desse profissional nas regiões interiorizadas. Portanto, o PRM tem um valor fundamental para a saúde paraense, porque reúne nele a grande maioria das vagas de residências públicas do Pará" - Regina Carneiro, coordenadora da Comissão de Residência Médica da Uepa.

Aqueles que desejam se candidatar a uma vaga devem estar atentos à escolha dos Programas de Residência, já que cada instituição oferece especialidades diferentes e com número limitado de vagas. São elas: Anestesiologia, Cardiologia, Cardiologia Pediátrica, Cirurgia Cardiovascular, Cirurgião de Mão, Cirurgia Básica (2 anos), Cirurgia do Trauma, Cirurgia Geral (3 anos), Cirurgia Pediátrica, Clinica Médica, Dermatologia, Endocrinologia e Metabologia, Endoscopia, Ginecologia e Obstetrícia, Hematologia e Hemoterapia, Hemodinâmica, Hepatologia, Infectologia, Mastologia, Medicina da Família, Medicina de Urgência, Medicina Intensiva, Medicina Intensiva Pediátrica, Nefrologia, Nefrologia Pediátrica, Neonatologia, Neurocirurgia, Neurologia, Cirurgia Oncológica, Oncologia Clínica, Ortopedia e Traumatologia, Pediatria, Radiologia e Diagnóstico por Imagem, Psiquiatria, e Urologia.

A escolha do Programa de Residência Médica (PRM) é única e intransferível e o candidato se torna responsável pelas informações prestadas, podendo inscrever-se somente em uma única especialidade como pré-requisito, conforme explicitado no edital e em acordo com as normas de todas as instituições participantes.

A seleção será executada pela Uepa, por meio da Pró-reitoria de Graduação (Prograd), Diretoria de Acesso e Avaliação (DAA) e do Centro de Ciências Biológicas e da Saúde (CCBS).

Serviço:

O edital com todas as informações referentes ao processo seletivo pode ser acessado por meio deste link. As inscrições podem ser feita aqui.

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS