Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
27°
cotação atual R$

Notícias / Cursos & Empregos

ORIENTAÇÕES

Saiba como conseguir emprego sem experiência profissional

Gestora de Recursos Humanos mostra o que os candidatos têm de fazer para finalmente conseguir uma oportunidade no mercado de trabalho

terça-feira, 10/11/2020, 08:12 - Atualizado em 10/11/2020, 09:22 - Autor: Pryscila Soares


A busca por qualificação através de cursos pode ser um diferencial na hora de apresentar o currículo
A busca por qualificação através de cursos pode ser um diferencial na hora de apresentar o currículo | Divulgação

O mercado de trabalho é muito dinâmico e competitivo. E construir uma carreira é um grande desafio, sobretudo para quem está dando os primeiros passos na vida profissional. Mas essas dificuldades podem ser amenizadas quando o profissional faz o dever de casa corretamente. Ou seja, busca meios para se encaixar no perfil de colaborador que as organizações estão buscando.

Para começar, o currículo deve ser o mais atraente possível, no sentido de chamar a atenção dos recrutadores para colocar aquele candidato na fase seguinte, que é ser chamado para uma entrevista.

É o que explicou Ana Alice Nunes, psicóloga, professora e gestora de Recursos Humanos. “O currículo tem de ser o mais organizado possível, limpo e enxuto. Fazer cursos é muito importante (para melhorar o currículo) e atualmente existem diversas entidades que ofertam cursos gratuitos, como o Sebrae, sites de bancos que oferecem plataformas e outros órgãos. Quanto mais cursos você fizer, voltados para a área em que você pretende atuar e de acordo com a sua aptidão, é interessante. Você mostra o interesse em crescer, aprender, estar aberto e flexível”, pontuou a especialista.

Qualquer pessoa que esteja em busca do seu primeiro emprego vai se deparar com algumas dificuldades. Trata-se de um processo natural. Mas, de acordo com a gestora de RH, é preciso observar que muitas empresas preferem preparar os seus colaboradores. Ou seja, é preciso estar atento a isso e buscar informações das empresas que atuam no segmento no qual almeja uma vaga. “Muitas empresas preferem treinar, capacitar, orientar os seus colaboradores sem nunca ele ter tido uma experiência anterior. Então, ao mesmo tempo que tem empresas que querem profissionais com experiência, outras querem profissionais sem experiência, para que eles se adaptem melhor à cultura delas”, disse Alice.

EXTRAS

Mesmo concorrendo com outras pessoas que não possuem experiência profissional anterior, é possível se destacar, por exemplo, investindo em atividades extracurriculares. Isso pode ser abordado, inclusive, durante uma entrevista. Trabalhos voluntários, trabalhos na comunidade onde vive, estágios não remunerados e até a prática de um esporte, podemsoar como um diferencial.

Segundo a especialista, o recrutador vai perceber que a pessoa possui características de liderança, iniciativa e proatividade, o que é importante no sentido comportamental. “Cada vez mais as empresas valorizam o lado comportamental do candidato. Muitas vezes admitem uma pessoa com base no conhecimento que ela tem, os cursos que fez e as suas habilidades. Mas, muitas vezes o profissional acaba saindo por questões de atitudes comportamentais. Com isso, as empresas começaram a realizar entrevistas, treinamentos e avaliação de desempenho com base em competências,levando em consideração o lado comportamental.”

 

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS