Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
25°
cotação atual R$

Notícias / Cultura

Cultura

Mostra reúne arquiteturas de Belém e Bolonha

terça-feira, 23/07/2013, 07:51 - Atualizado em 23/07/2013, 07:51 - Autor:


Em sua primeira exposição individual em Belém, promovida pela Elf Galeria, o artista plástico italiano Giorgio Drioli sai do pano de fundo para ser atração principal em uma mostra que apresenta trabalhos em aquarela, retomando o diálogo entre a arquitetura barroca de Bolonha, na Itália, cidade onde vive, e as igrejas de Belém, do século XVIII. 


Pintor e cenógrafo formado na Academia de Belas Artes de Bolonha, Drioli se especializou em pintar cenários que dão vida a óperas e espetáculos em grandes teatros.


Em Belém, por intermédio do Fórum Landi, Drioli realizou com o italiano Pietro Lenzini a pintura em quadratura da Sala Bolonha na Casa Rosada, na Cidade Velha. Atualmente os dois artistas desenvolvem o cenário da ópera “O Trovador”, de Giuseppe Verdi, que fará parte do Festival de Ópera de Belém em agosto, no Theatro da Paz.


Na série de aquarelas apresentadas na exposição ‘Perspectivas’, destaca-se a perspectiva cênica de interiores e exteriores de edifícios históricos, em que o enquadramento da imagem proporciona ângulos incomuns, ressaltando detalhes da arquitetura. 


Do patrimônio histórico de Belém, Drioli retratou as igrejas do Carmo, Santana, São João, a Capela Pombo e a Catedral Metropolitana. O tratamento em perspectiva segue a tradição de Ferdinando Bibiena, importante arquiteto bolonhês, do século XVIII. O ambiente é retratado com uma área de visão diagonal, de forma que a representação espacial assume uma forma mais dinâmica e incomum. Fora a geometria do desenho, as obras são feitas com muita liberdade, assim, distanciando-se do virtuosismo pictórico do exercício acadêmico.


Sobre o artista


Giorgio Drioli nasceu em Roma em 1969. Pintor e cenógrafo formado na Academia de Belas Artes de Bolonha, frequentou cursos de Cenografia Cinematográfica e Televisiva em Skelleftea, na Suécia, e na Escola de Arte de Utrecht, na Holanda. Tem experiência em atividade teatral no âmbito da lírica e da prosa. Trabalhou no Teatro Municipal de Bolonha e, entre as várias atividades, destaca sua participação no no Festival de Música de Londrina, no Paraná, com o Teatro Potlach, em 2000. 


CONFIRA


A mostra “Perspectivas”, de Giorgio Drioli, permanecerá aberta de 25 deste mês a 7 de agosto de 2013, com visitação de terça a sexta-feira, das 10 às 19h, e aos sábados, das 10 às 17h na Elf Galeria, que fica na passagem Bolonha número 60. A entrada é gratuita.Informações: 3224-0854.


(Diário do Pará) 

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS