Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
31°
cotação atual R$

Notícias / Cultura

Cultura

Monobloco lança novo álbum ainda em junho

sábado, 15/06/2013, 11:53 - Atualizado em 15/06/2013, 11:53 - Autor:


O novo álbum do grupo Monobloco está prestes a sair do forno, com lançamento marcado para ainda este mês. Apesar de ter sido gravado entre quatro paredes, basta ouvir os primeiros minutos de qualquer canção que seja de “Arrastão da Alegria” para sentir-se em meio ao calor da multidão, como se estivesse em um grande espetáculo de música. “A gente quis levar a agitação que marca nossas apresentações para dentro das casas das pessoas. É para arrastar os móveis da sala e dançar”, diz Mário Moura, numa afirmativa que justifica a reação imediata causada pelos hits.


O disco remete diretamente ao baile que roda o Brasil com o show feito pelo grupo em consagradas turnês. E no bloco que arrasta milhares de foliões no encerramento do carnaval carioca, na Avenida Rio Branco. Com auxílio de um time de peso – que conta com Davi Moraes, Diogo Nogueira, Fagner, Ivete Sangalo, Pepeu Gomes, Preta Gil e Roberta Sá -, o Monobloco segue a tradição e resgata verdadeiros clássicos, sambas garimpados, pérolas da MPB, marchinhas e canções do imaginário pop, ao mesmo tempo em que traz composições inéditas, novos estilos e batidas.


Um estúdio, para variar


Com dois álbuns ao vivo lançados, Arrastão da Alegria é o segundo trabalho de estúdio da carreira do Monobloco, criado em 2000 por C.A. Ferrari, Celso Alvim, Mário Moura, Pedro Luís e Sidon Silva – integrantes da banda Pedro Luís e A Parede – a partir de uma oficina de percussão. “Escolhemos voltar mais uma vez ao estúdio numa tentativa de fugir do formato de registro ao vivo. Por causa do recurso que temos em um espaço como esse, foi possível cuidar melhor dos pequenos detalhes de cada canção, trabalhando bastante principalmente nas composições inéditas”, explica Mauro, responsável pelo surdo na formação. 


O grupo entrou em fase de pré-produção em agosto do ano passado. A demora para deixar o trabalho pronto tem a ver com a dificuldade de conciliar a agenda dos envolvidos – além dos 24 integrantes da banda, outros instrumentistas e convidados também participaram das gravações. “O bom de sermos uma turma grande é que todo mundo dá pitaco e isso deixa o resultado ainda mais interessante. Porém, o difícil é reunir todo mundo. Isso dá uma trabalheira, mas vale a pena”, considera Celso Alvim, que toca caixa.


TODOS OS GOSTOS


O Monobloco é conhecido por celebrar a diversidade dos ritmos brasileiros – tarefa que executa tão bem que o grupo já circulou por países como Inglaterra e Japão, além de outras nações. O disco de trabalho tem 14 canções, sendo quatro inéditas: a faixa-título “Arrastão da Alegria”, um presente de Rogê, com participação do guitarrista Davi Moraes; “Tu Quer?”, composição que Lenine fez especialmente para o disco e ganhou a voz de Preta Gil; “Nasci pra Morrer de Amor”, de Arlindo Cruz, Maurição e Franco, marcada pela ginga de Diogo Nogueira e arranjo de metais de Serginho Trombone; e “Balança Geral”, o funk do álbum composto por Aílton Assumpção.


O repertório ainda tem espaço para surpresas: “Samba de Arerê”, sucesso de Beth Carvalho, ganhou participação de Roberta Sá; “Caio No Suingue”, hit do grupo Pedro Luís e A Parede, foi revisitada na voz da baiana Ivete Sangalo; “Maneiras”, com a assinatura vocal inconfundível do cearense Fagner e “Chove Chuva”, de Jorge Ben Jor, recebeu a guitarra de Pepeu Gomes, com quem o Monobloco dividiu o palco Sunset, no Rock in Rio de 2011. 


“O Monobloco nasceu do nosso projeto ‘Pedro Luís e a Parede’, mas ganhou pernas próprias. O criamos para funcionar como um bloco mesmo, com a ideia de exaltar a diversidade da música brasileira. Então, tudo que fazemos tem essa marca: sempre traz muita alegria e agrega bastante gente. Adoramos ter nossos amigos artistas endossando o caldo nos palcos e também nas gravações dos discos”, explica Pedro Luís, vocalista e líder do grupo.


A turnê começa no dia 5 de julho, passando por Rio de Janeiro, Brasília, São Luís, Fortaleza, Belo Horizonte e Guarapari, no Espírito Santo. O grupo está negociando uma possível vinda a Belém. 


OUÇA


Saiba mais sobre o Monobloco e escute “Arrastão da Alegria” no site do Monobloco.


(Diário do Pará)

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS