Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
26°
cotação atual R$

Notícias / Cultura

Cultura

Festival segue hoje com o melhor do cinema francês

segunda-feira, 13/05/2013, 08:30 - Atualizado em 13/05/2013, 08:30 - Autor:


A programação do Festival Varilux de Cinema Francês continua hoje, a partir das 14h30, no cinema Moviecom, do Shopping Castanheira. No quarto dia da mostra, quatro filmes serão exibidos. É uma oportunidade de vislumbrar as mais recentes produções cinematográficas da França e fugir do circuito comercial habitual que inundam as salas de Belém.


As exibições são realizadas simultaneamente em 45 cidades brasileiras. Segundo informações da organização do evento, em Belém, a expectativa é de que o público total chegue a 100 mil pessoas, o que representaria um crescimento de quase 50% em relação ao ano passado. 


Entre as obras que serão exibidas hoje está o longa “Uma dama em Paris”, de Ilmar Raag. No enredo, a estoniana Anne (Laine Mägi) é contratada para cuidar de uma senhora de idade, a também estoniana Frida (Jeanne Moreau), que mora há muitos anos em Paris. Apesar de todo o esforço em trocar o país natal pela França, Anne é mal acolhida por Frida, que não quer ser ajudada. A única preocupação da mulher é conquistar novamente Stéphane (Patrick Pineau), um antigo amante. Juntas, elas descobrem a amizade e o prazer de se sentirem novamente sedutoras.


E para quem é fã do escritor Victor Hugo, a programação de hoje é uma oportunidade para assistir à adaptação cinematográfica do livro “O Homem que Ri” (2012). No elenco, o ator Gérard Depardieu, Emmanuelle Seigner e Marc-André Grondin. “L’homme qui rit”, do título em francês, é a história de dois órfãos, Gwynplaine (Marc-André Grondin), um garoto cuja cicatriz no rosto dá a impressão de que ele está sempre sorrindo, e Déa (Christa Theret), uma garota cega. Em pleno inverno, eles são acolhidos pelo grande Ursus (Gérard Depardieu) e passam a viver com ele. Para ganharem dinheiro, os dois jovens decidem fazer um espetáculo pelas estradas, onde o sorriso de Gwynplaine desperta a curiosidade de todos que passam. Aos poucos, o garoto adquire fama e dinheiro, distanciando-o das únicas duas pessoas que sempre gostaram dele. 


(Diário do Pará)

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS