Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
31°
cotação atual R$

Notícias / Cultura

Cultura

Programação intensa, com bate-papos e oficinas

terça-feira, 30/04/2013, 08:06 - Atualizado em 30/04/2013, 08:14 - Autor:


A XVII Feira Pan- Amazônica do Livro continua hoje com uma programação intensa composta por palestras, bate-papos, mesas redondas, apresentações culturais, oficinas, encontros literários e gincana. Tudo no Hangar Centro de Convenções, das 10h às 22h, com entrada franca. 


No auditório Dalcídio Jurandir, a programação começa com a Arena das Artes apresentando o coral de deficientes visuais, espetáculo de teatro e circo e espetáculo de dança e performance, a partir das 10h30. À tarde, às 15h30, o professor Sérgio Nogueira participa do Papo Cabeça sobre o tema “Ortografia, reforma e soletrando”. A apresentação é de Betty Dopazo. Em seguida, às 19h, haverá o encontro literário com Guilherme Fiúza, do Rio de Janeiro. A Sala Pará recebe, às 19h30, o encontro de memórias de mulheres para discutir a ditadura militar no Pará, com Dulce Rosa Bacelar Rocque. O Espaço Educação discute o tema “Economia da farinha: uma visão sustentável”, às 14h. 


No auditório Benedito Nunes, a partir das 10h30, haverá gincana literária sobre os escritores Age de Carvalho, João Bosco Maia, Jorge Andrade e Olga Savary e apresentação de Carlos Correia Santos. Às 20h30 quem se apresenta no auditório é a Cia. Do Tijolo, de São Paulo, com o espetáculo teatral “Cante lá que eu canto cá”. No auditório Eneida de Moraes, às 17h, haverá a apresentação da peça “Uma senhora”, baseada no livro de Machado de Assis e com direção geral de Geraldo Sales. 


LANÇAMENTO


Lançado em 1993, fruto da premiação pelo Governo do Estado do Pará, através da Secretaria de Cultura, via Academia Paraense de Letras (Prêmio Samuel Wallace Mac Dowell), o livro “O homem pelo avesso” (contos) ganha hoje a segunda edição. “Houve um hiato de uma geração ao menos – as dos meus filhos Frederick e Glenda, por exemplo, na faixa dos 17-20 anos – que não conhece este livro de contos”, informa o autor Alfredo Garcia-Bragança.


O escritor, jornalista e professor universitário faz hoje, no estande da Academia Paraense de Letras na Feira, mais uma sessão de autógrafos após o lançamento oficial no dia 27 deste mês. “O homem pelo avesso” sai em segunda edição, após 20 anos da primeira (1993), pela mesma editora, a Imprensa Oficial do Estado do Pará. O livro do escritor paraense traz na contracapa um texto elogioso de Ignácio de Loyola Brandão.


(Diário do Pará)

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS