Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
25°
cotação atual R$
Círio

Devotos estão agora mais próximos das imagens de Nossa Senhora

terça-feira, 16/10/2018, 09:02 - Atualizado em 16/10/2018, 09:06 - Autor:


Um dia após a procissão do Círio de Nazaré, realizada domingo (14), a Praça Santuário, em Belém, onde está a imagem peregrina de Nossa Senhora de Nazaré, recebeu um grande número de fiéis. Em frente ao altar onde a imagem foi colocada, se formou uma fila durante toda a manhã de ontem.




(Foto: Ney Marcondes/Diário do Pará)


Uma das devotas é a carioca Delma Ribeiro, que todos os anos faz questão de visitar a família em Belém, para agradecer a saúde e a vida. “Eu vim do Rio de Janeiro para passar a festa aqui em Belém. No domingo não consegui visitar a imagem, então resolvi agradecer hoje (ontem), com o movimento mais calmo. Consegui ficar bem perto dela, assisti a missa e agora eu vim fazer um pedido para Nossa Senhora”, afirma.


Famílias inteiras procuravam um espaço bem próximo da imagem de Nossa Senhora. A Guarda da Santa auxiliou na organização e rapidamente uma fila se formou sob o sol forte.


BASÍLICA


No interior da Basílica Santuário de Nazaré o número de devotos que foi ver a imagem original de Nossa Senhora também foi grande. Alguns fiéis rezavam enquanto outros fotografavam a imagem.




(Foto: Ney Marcondes/Diário do Pará)


“Pra gente, o Círio é o ano inteiro. Então, esse é o momento de agradecer à santa. Nunca é demais chegar perto, pedir proteção, que ela nos ilumine, ilumine os governantes que ai virão. Toda demonstração de carinho é válida”, complementa a cearense Michele Barreto, enquanto a sua mãe Tarcísia Moreira amarrava a tradicional fita nas grades da Basílica de Nazaré.


As fitas coloridas são usadas como lembrança da festa ou simplesmente como forma de renovar uma promessa. São milhares de fitas amarradas nas grades da Praça Santuário. “Não há explicação para tanta fé. Gente de todas as partes chegam aqui e se emocionam de uma forma única”, destaca a paraense Raimunda Santos, que viajou de Igarapé-Açu para agradecer uma graça alcançada. “Há cinco anos eu pago uma promessa. Nossa senhora me ajudou a superar um problema de saúde muito grave e, desde então, faço questão de vir todos os anos”.


(Luiz Guilherme Ramos com Diário do Pará)

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS