Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
29°
cotação atual R$
Círio

Círio: atendimentos foram sem casos graves

domingo, 09/10/2016, 20:04 - Atualizado em 09/10/2016, 20:59 - Autor:


A procissão de domingo (9) do Círio de Nazaré é de muita fé, muita emoção e muita, muita gente. Mesmo em trechos mais tumultuados, casos graves não foram registrados nos postos de atendimentos.


“Há uma tranquilidade nos atendimentos, sem casos graves, e apenas com pessoas que passam mal pelo esmagamento na multidão”, informou Luiz Magno, coordenador do posto de atendimento voluntário de socorristas da ONG Guardião da Vida.


O posto realizou cerca de 50 atendimentos desde as 6h da manhã. Cerca de 140 voluntários prestaram apoio neste domingo. Como o socorrista Luciano Fernandes, 31. “Já é um prazer fazer parte de um grupo de voluntários para atender pessoas. E é ainda uma satisfação maior no Círio”, relatou.


O Corpo de Bombeiros também não registrou nenhum caso grave. Segundo a major Vivian Leite foram pouco mais de 20 atendimentos durante a procissão. A maioria dos casos foi em decorrência de desidratação.


A militar destacou ainda que não houve nenhum incidente com fogos de artifício durante o trajeto devido o trabalho de conscientização que o Corpo de Bombeiros tem feito com as empresas que prestam homenagens pirotécnicas.


De acordo com o Coronel Arthur Moraes, comandante do Policiamento Especializado da Polícia Militar, algumas ocorrências foram atendidas pela PM, mas nada que fugisse à normalidade.


Algumas pessoas foram detidas por furto durante a procissão de domingo e a Trasladação, na noite de ontem (8). “Essas pessoas portavam faca, estilete e outros objetos cortantes. Elas foram abordadas e esses objetos apreendidos. O intuito era cortar a corda das romarias, mas esse porte em local de grande concentração de pessoas podia resultar em alguma lesão, por isso, todas as descobertas foram apreendidas”.


(Com informações da Agência Pará)

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS