Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
28°
cotação atual R$
Círio

Pagamento de promessas emociona fiéis no Círio

domingo, 11/10/2015, 07:26 - Atualizado em 11/10/2015, 08:22 - Autor:


Mais do que apenas pessoas, o Círio de Nazaré é formado por religiosidade e histórias de fé, contadas por cada um dos milhões de devotos que acompanham o cortejo ao lado da Imagem Peregrina. Ao longo de todo o trajeto, diversos casos de milagres e graças alcançadas devido a intervenção de Nazaré são relatados pelos romeiros.


Uma delas é Wanda Santos, que realiza neste domingo (11), o caminho entre a avenida Presidente Vargas e a Basílica Santuário para agradecer a saúde do filho, Juan Vitor, de sete anos, que sofre de paralisia cerebral, mas que mesmo assim acompanha a mãe no pagamento da promessa.



Wanda e o filho Juan Vitor, que sofre de paralisia cerebral, percorreram o trajeto do Círio. (Foto: Cezar Magalhães)


“Quando ele nasceu, ele não tinha oxigenação no cérebro, e os médicos disseram que ele não ia sobreviver. Ai então eu entreguei para a Nossa Senhora, e agora ele está aqui comigo, ainda por cima conseguindo andar. Foi um milagre, com certeza. Desde então pago essa promessa, e vou continuar sempre”, afirmou.


Outra devota que tem muito a agradecer é Adelia Silva, moradora do município de Barcarena, nordeste paraense, que há seis anos acompanha a romaria do Círio. “Consegui muitas graças na vida. Uma delas foi conseguir construir minha casa, que era o meu sonho. Só tenho a agradecer”, completou.


O difícil e emocionante sacrifício de seguir a procissão de joelhos também é realizado por centenas de devotos que têm grandes realizações a agredecer, muitas vezes ligadas a casos de saúde, como Raquel Couto, de 23 anos, diagnosticada por médicos com um problema de coluna. Já curada, a moradora do município de Baião, no nordeste paraense participa neste ano pela primeira vez .



Diversos romeiros descansam após participar da romaria de joelhos. (Foto: Cezar Magalhães)


Outro devoto que segue o percurso de joelhos é Júlio Cesar, que ao lado da irmã, pede pela saúde da mãe. “Minha mãe está com câncer há muitos anos. Os médios já disseram que ela não iria sobreviver, mas ela continua resistindo. Só Nossa Senhora consegue manter nossa mãe viva, e vou continuar pedindo por saúde enquanto puder”, completou.


(DOL com informações da Rádio Clube)

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS