Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
24°
cotação atual R$
DEVOÇÃO

Círio 2019: visitas da imagem antecedem festa mariana

quarta-feira, 25/09/2019, 07:21 - Atualizado em 25/09/2019, 07:30 - Autor: Denilson de Almeida Barroso


Uma visita que é muito aguardada pelos moradores
Uma visita que é muito aguardada pelos moradores | Olga Leiria/Diário do Pará

Das mãos do aposentado Silvestre Queiroz, 74 anos, o cesto de flores com a imagem de Nossa Senhora de Nazaré é entregue para o vizinho João Paulo Pereira, de apenas 10 anos de idade. O gesto é simples, mas carregado de emoção. João conduz a imagem até a casa onde mora, na Rua Mucajá, no Conjunto Carmelândia, onde foi realizada uma novena em devoção à padroeira. Apesar da pouca idade, o menino assumiu o compromisso de caminhar, junto com o grupo de oração, para outros lares na preparação para o Círio. Assim, também em dezenas de outras casas de Belém, as noites têm sido regradas a cânticos marianos e orações.

São as peregrinações de Nossa Senhora de Nazaré percorrendo aproximadamente 100 mil casas na capital, preparando o povo católico para o segundo domingo de outubro, quando ocorre a procissão mariana. O grupo em que João e o seu Silvestre participam é coordenado por Florença Carvalho – a dona Flora, como é conhecida na comunidade. Há 19 anos ela assumiu o compromisso de puxar as peregrinações no Carmelândia. “Mas não faço isso sozinha, tenho pessoas que me ajudam e a gente segue juntos, firme na fé, levando a palavra de Deus e mostrando Nossa Senhora como intercessora”, exalta a devota.

As visitas da imagem de Nossa Senhora de Nazaré nas casas dos devotos se tornaram uma parte importante do calendário da festa mariana, unindo famílias e vizinhos em testemunhos cotidianos de fé
As visitas da imagem de Nossa Senhora de Nazaré nas casas dos devotos se tornaram uma parte importante do calendário da festa mariana, unindo famílias e vizinhos em testemunhos cotidianos de fé
 

Uma visita que é muito aguardada pelos moradores
Uma visita que é muito aguardada pelos moradores Olga Leiria/Diário do Pará
 


GRAÇAS

Junto com o terço e do livro das peregrinações, os devotos de Nossa Senhora de Nazaré levam consigo inúmeros testemunhos de fé e de graças atribuídas à santa. É o caso, por exemplo, da dona de casa Eliana Rodrigues, 45, que no ano passado recorreu a padroeira para pedir que o marido conseguisse um emprego. “Ele estava desempregado há dois anos e sempre caminhou conosco. Ano passado colocamos muito o nome dele nas intenções das orações e no final da caminhada ele conseguiu um trabalho como rodoviário”, contou. “Este ano ele não caminha conosco porque está no trabalho, mas certamente vai acompanhar o Círio para agradecer”, resumiu Eliana.

Silvestre fez questão de dar um testemunho durante a novena ocorrida na última segunda-feira (23). Contou que já esteve doente e quase deixou de andar sozinho. Precisava de pessoas carregando ele, mas pediu a Nossa Senhora sua cura e hoje caminha sem o apoio de ninguém ao lado. “Minha caminhada, agora, é com Ela”, contou. O devoto disse que o gesto de entregar a cesta com a imagem nas mãos do João é para incentivar desde cedo a participação na maior festa católica dos paraenses. O menino sabe da importância. “É um momento em que a gente reza, pede por nossa família e pelo mundo”, comentou, enquanto carregava a imagem.

Em algumas comunidades, as peregrinações começaram no início de setembro, logo após a Missa do Mandato, celebrada no último dia 26 de agosto, onde as imagens que seguem nas peregrinações foram abençoadas. Ao final das peregrinações, as imagens de Nossa Senhora de Nazaré são sorteadas entre os moradores que receberam o ritual.

 


Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS