Diário Online

Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
30°
cotação atual R$
VINGANÇA

Pênis cortado: vingança teria motivado castração de homem

"A gente deparou com uma cena dantesca", disse o médico que atendeu o paciente; O órgão genital extirpado pode ter sido comido por animais

sábado, 24/04/2021, 20:33 - Atualizado em 24/04/2021, 20:33 - Autor: Com informações do Correio Braziliense


Caso ocorreu na comunidade quilombola de Macaúbas do Palmito, no norte de Minas Gerais
Caso ocorreu na comunidade quilombola de Macaúbas do Palmito, no norte de Minas Gerais | Reprodução - Facebook

O estupro é um dos crimes mais repugnantes. É comum que estabelecimentos penais tenham uma ala restrita para abrigar estupradores, porque eles correm o risco de sofrerem abusos ou até mesmo de morrerem nas mãos de outros presos. Em Minas Gerais, uma suposta tentativa de estupro teria gerado uma vingança digna de filmes de terror.

Homem bebe demais e acorda sem o pênis

Segundo investigações preliminares da Polícia Civil, um homem de 54 anos teve o pênis decepado após ter tentado estuprar uma sobrinha, de 20 anos. O caso aconteceu no início do mês, em uma em comunidade quilombola nas proximidades do município de Olho d’Água, a 272 quilômetros da capital, Belo Horizonte.

O homem foi socorrido pelo Serviço de Atendimento de Urgência e Emergência (Samu) e levado ao hospital Hospital Municipal Doutor Gil Alves, na cidade de Bocaiúva, onde passou por cirurgia. “O paciente deu entrada conduzido pelos colegas do Samu de Olhos D'Água. A gente deparou com uma cena dantesca, em que o paciente tinha sofrido uma extirpação do pênis e do escroto. Infelizmente, ele perdeu total a genitália externa. O que a gente fez, além da conduta inicial, foi levar o paciente para o bloco [cirúrgico] e controlar o sangramento”, relata o médico cirurgião Felipe Lobo.

Segundo o médico, a única opção possível foi a preservação da função urinária do homem. “Reinserimos a uretra na pele para preservar a função urinária, sem precisar usar sonda e nenhum outro instrumento para essa finalidade”. O médico disse ainda que o paciente segue internado, em quadro estável, tomando antibióticos, e deverá receber alta dentro de cinco a sete dias.

Entenda o caso

Em entrevista nesta sexta-feira (23), o delegado de Bocaiuva, Leonardo Diniz, informou que o homem foi vítima de vingança. O órgão genital extirpado pode ter sido comido por animais.

Segundo o delegado, em 6 de abril, o homem, que é trabalhador braçal, teria tentado estuprar uma sobrinha de 20 anos, na comunidade quilombola de Macaúbas do Palmito, que, embora pertença a Bocaiuva, fica mais próxima do município vizinho de Olhos D'Água.

O estupro não foi consumado porque ela se defendeu e conseguiu escapar, apurou a polícia.

De acordo com o policial, o fato provocou revolta na comunidade. Dois moradores decidiram se vingar e deceparam o órgão genital do suposto autor da tentativa de abuso sexual. Eles já foram identificados e terão suas prisões temporárias solicitadas à Justiça.

Um dos suspeitos da vingança seria namorado da jovem que sofreu a suposta tentativa de estupro. Os dois suspeitos são primos, de acordo com informações levantadas junto à Polícia Civil.

Segundo o delegado, a tentativa de abuso sexual deixou os integrantes da comunidade quilombola revoltados. Na segunda-feira, informou Diniz, os dois moradores atraíram o homem até o meio de um canavial, “a pretexto de ajudar a castrar um porco do mato”.

“Mas, na verdade, chegando ao local, a vítima foi rendida pelos dois indivíduos”, relatou Diniz, afirmando que os dois deceparam a genitália do trabalhador braçal no meio do canavial. O delegado classificou o caso como “uma tentativa de homicídio por meio cruel”.

Leonardo Diniz disse que, como, de fato, há presença de porcos do mato no local onde o homem sofreu a mutilação, “provavelmente”, o órgão genital extirpado da vítima pode ter sido jogado no local e comido pelos animais.

O trabalhador braçal tinha alegado para a Policia Militar que, na segunda-feira, ingeriu bebidas alcoólicas em um boteco de Macaúbas do Palmito e dormiu, mas que acordou no meio do matagal e sentiu dores e percebeu que seu órgão genital tinha sido cortado e levado.

O delegado de Bocaiuva assegurou, no entanto, que essa narrativa é diferente da dinâmica dos acontecimentos apurada pela Polícia Civil.

A ocorrência foi atendida pela Polícia Militar de Olhos D'Água. O socorro também foi prestado pela equipe do Samu daquele município, que levou a vítima até o Hospital Municipal Doutor Gil Alves, em Bocaiuva.

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS