Diário Online

Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
25°
cotação atual R$
DECLARAÇÃO DE IR

Auxílio emergencial: 3 milhões de brasileiros terão que devolver benefício

A informação de que o auxílio emergencial deve ser declarado foi confirmada na semana passada

terça-feira, 02/03/2021, 16:11 - Atualizado em 02/03/2021, 16:11 - Autor: Redação


Imagem ilustrativa da notícia Auxílio emergencial: 3 milhões de brasileiros terão que devolver benefício
| Reprodução

Cerca de 3 milhões de brasileiros que receberam o auxílio emergencial em 2020 terão que devolver o benefício através da declaração do Imposto de Renda. A informação foi confirmada pelo Fisco. 

Com o início de abertura da declaração do Imposto de Renda (IR) 2021, que iniciou na última segunda-feira (1) e segue até o dia 30 de abril deste ano, muitos contribuintes passaram a ter dúvidas sobre como informar corretamente seus dados, após um ano tão diferente como o de 2020. 

Na semana passada, durante a apresentação das regras para declaração do IR deste ano, foi informada que "o auxílio emergencial e o auxílio emergencial residual são considerados rendimentos tributáveis e devem ser declarados como tal na ficha de rendimentos recebidos de pessoa jurídica". 

O governo considera "auxílio emergencial" o pagamento de R$ 600 ou R$ 1.200 feito aos trabalhadores informais entre os meses de abril e agosto de 2020. No momento em que o benefício foi reduzido à metade, entre setembro e dezembro, passou a ser chamado de "auxílio emergencial residual".

Os rendimentos tributáveis são aqueles sobre os quais é preciso pagar imposto de renda, como salário, pensões, renda de aluguel e ganhos de capital de investimentos.

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS