Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
29°
cotação atual R$

Notícias / Notícias Brasil

SUPOSTA COMPRA DE VOTOS

Vídeo de briga que viralizou neste domingo não foi motivado por eleições

Agressora que aparece na gravação já foi identificada e convocada a depor

segunda-feira, 16/11/2020, 17:15 - Atualizado em 16/11/2020, 17:14 - Autor: Com informações do portal Metrópoles


| Reprodução

Um dos vídeos que mais viralizou, neste domingo (15) de eleições municipais, e que mostrou uma mulher agredindo outra supostamente por causa de compra de votos, não teve relação nenhuma com conflitos eleitorais, de acordo com o delegado Ângelo José Lages Machado, titular da 65ª DP (Magé-RJ). As informações são do portal O Dia. 

Nas imagens, é possível ver que a mulher que estava em um carro com adesivos de um candidato discute com outra e, em seguida, desfere tapas e chutes. Nas redes sociais, várias pessoas alegaram que a moça estava sendo agredida por não ter votado em determinado candidato. 

No entanto, o delegado explicou que a confusão ocorreu em decorrência de uma publicação no Facebook e que o vídeo não foi gravado neste domingo. 

“As duas mulheres trabalham com vendas de comidas. Uma delas teria postado que a comida da outra estava com gosto de baratas e isso gerou toda essa revolta. O vídeo foi gravado na semana passada, mas como ganhou projeção no dia da votação, a frase: ‘Você postou’ passou a ser entendida como ‘Você votou’. É preciso esclarecer que essa briga não é política”, disse  ngelo.

A Polícia Civil informou que a agressora já foi identificada e convocada a depor. A vítima ainda não foi identificada pela 65ª DP. O delegado disse que o vídeo foi gravado por uma pessoa anônima que passava pelo local.

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS