Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
24°
cotação atual R$

Notícias / Notícias Brasil

RIO DE JANEIRO

Cães famintos comem corpo de idosa dentro de casa

Mulher teria morrido no dia 22 de outubro, mas corpo só foi encontrado no último dia 1º

segunda-feira, 09/11/2020, 19:46 - Atualizado em 09/11/2020, 20:06 - Autor: Com informações de A Tribuna


Protetores de animais estão tentando arrumar pessoas parta adotarem os cães.
Protetores de animais estão tentando arrumar pessoas parta adotarem os cães. | Reprodução / Facebook

Uma mulher que faleceu dentro de casa teve parte do corpo comido pelos animais de estimação, em Vargem Grande, no Rio de Janeiro. A idosa, de 68 anos, teria morrido no dia 22 de outubro, mas o corpo dela só foi encontrado no último domingo (1º).

Os vizinhos contaram à polícia que a mulher, identificada como Sandra, vivia sozinha em uma casa com 27 cachorros. De personalidade sempre extrovertida, Sandra parou de responder as mensagens no WhatsApp e então os vizinhos desconfiaram que havia algo de estranho.

Vídeo mostra moradora de rua devorando cérebro de vítima em SP

Um vizinho foi ao local durante a noite e percebeu que os cães estavam com um comportamento agressivo. Ao entrar na residência, ele encontrou o corpo da mulher.

Os agentes foram acionados e encontraram parte do corpo da idosa mutilado. Os animais que estavam no local se encontravam famintos e teriam devorado o corpo da mulher, segundo contou a representante de uma organização de proteção de animais.

Com mais de 20 anos como protetora de animais, Renata Prieto, disse que nunca tinha visto um cenário parecido com o que encontrou.

“Já ajudei em outros lugares de protetoras que faleceram mas, chegar ao ponto dos animais comerem um corpo porque não tinham como se alimentar, eu nunca tinha visto”, disse.

A ONG G.A.R.R.A. Animal foi chamada pelos vizinhos que tinham medo de que os cães fossem sacrificados. Os protetores de animais buscam agora lares para os 17 cães que ainda estão no espaço.

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS