Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
25°
cotação atual R$

Notícias / Notícias Brasil

JUSTIÇA

Wilson Witzel e esposa deixam Palácio Laranjeiras 

Após decisão do Tribunal, o governador afastado também sofreu redução de 1/3 do salário

segunda-feira, 09/11/2020, 18:49 - Atualizado em 09/11/2020, 18:49 - Autor: Com informações R7


Witzel é investigado por crime de responsabilidade no Rio
Witzel é investigado por crime de responsabilidade no Rio | Reprodução

Witzel é investigado por crime de responsabilidade no Rio
Witzel é investigado por crime de responsabilidade no Rio Reprodução
 

O governador afastado do Rio de Janeiro, Wilson Witzel deixou o Palácio Laranjeiras, na zona sul da cidade e voltou a morar com a família em sua casa, nesta segunda-feira (9), no Grajaú, na zona norte do Rio.

Em nota, assessoria de Witzel informou que durante todo o período em que ocupou o Palácio Laranjeiras, residência oficial do governador do Rio de Janeiro, seguiu orientações da segurança, em razão do deslocamento, pela proximidade à sede do Governo do Estado, o Palácio Guanabara. Mas jamais deixou de, eventualmente, estar em sua casa, no Grajaú.

E acrescentou ainda que "durante o processo de impeachment, cuja admissão é tão somente para avaliar a veracidade dos fatos, foi incluída pelo relator, deputado do PT, a desocupação do Laranjeiras, de forma ilegal, o que gera a preocupação de que decisões do Tribunal Misto, que deve se submeter às regras processuais e constitucionais, sejam tomadas sem amparo legal contra um governante democraticamente eleito". disse a nota!

VEJA TAMBÉM!


Na última quinta-feira (5), o Tribunal Misto Especial decidiu por unanimidade, pelo prosseguimento do processo de impeachment do governador afastado Wilson Witzel, além da redução de 1/3 do salário e a saída do Palácio Laranjeiras.

Wilson Witzel é investigado por crime de responsabilidade e foi afastado do cargo, no dia 28 de agosto por determinação do STJ (Superior Tribunal de Justiça) por suspeita de desvio na área da Saúde em meio a pandemia do novo coronavírus.

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS