Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
30°
cotação atual R$

Notícias / Notícias Brasil

ALERTA

Planeta Terra terá uma "nova lua" a partir de outubro deste ano

O tamanho estimado da Lua de14 metros de comprimento

segunda-feira, 28/09/2020, 15:01 - Atualizado em 28/09/2020, 15:15 - Autor: Com informações metrojornal.com


Se o objeto pertenceu à Centauro de 1966, ele está no espaço há 54 anos.
Se o objeto pertenceu à Centauro de 1966, ele está no espaço há 54 anos. | Reprodução

De vez em quando, um objeto é capturado na órbita do nosso planeta, permanecendo ali por alguns meses ou anos, antes de ser jogado de volta ao espaço.

Agora, astrônomos avistaram um desses objetos, que são conhecidos como mini luas, em uma trajetória de aproximação que provavelmente será capturado pela gravidade da Terra. Ele chegará em outubro de 2020 e ficará até maio de 2021, quando partirá para outros lugares.

De acordo com os especialistas, sua órbita semelhante à da Terra e sua baixa velocidade sugerem que o objeto não é um asteroide. Ainda segundo os astrônomos, suas características são mais condizentes com algo criado pelo homem. Ou seja: tudo isso indica que o objeto é, potencialmente, lixo espacial, que teria sido descartado de um foguete que foi à Lua em 1966.

Segundo uma publicação do jornal argentino, Clarín, o tamanho estimado do lixo espacial de até 14 metros de comprimento e deve fazer dois loops perto da Terra. Entretanto, nenhum deles está perto o suficiente para entrar na atmosfera terrestre. Logo, o objeto não representa nenhum perigo à humanidade.

Se o objeto pertenceu à Centauro de 1966, ele está no espaço há 54 anos. É surpreendente que uma nave espacial de fabricação humana resista ao vácuo por todas essas décadas.

Se for um asteroide, isso significa que temos uma pedra muito estranha em nossas mãos e isso mostra que os asteroides podem se mover, de forma realmente inesperada, como estágios de foguete. Seja o que for, todos esperam que chegue perto da Terra em um mês.

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS