Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
29°
cotação atual R$

Notícias / Notícias Brasil

RACISMO

"Preto, macaco, eu tenho carta branca", xinga mulher a homem com filho

O homem registrou as ofensas em vídeo e um inquérito foi aberto para apurar o caso

quarta-feira, 16/09/2020, 22:19 - Atualizado em 16/09/2020, 22:32 - Autor: Com informações do UOL


| Reprodução

Um homem denunciou uma mulher que o ofendeu com insultos racistas enquanto ele passava por uma rua do bairro Jabaquara, em São Paulo, ao lado do filho, de 12 anos. De acordo com a Polícia Civil, um inquérito foi aberto para apurar o caso.

Conforme o auxiliar de serviços gerais Leandro Antônio Eusdacio Xavier, de 39 anos,, no sábado (12), ele foi buscar o filho de 12 anos na casa da ex-esposa para que passassem o fim de semana juntos, quando uma mulher passou pela rua proferindo ataques racistas contra várias pessoas. Ele resolveu filmar a cena com celular na tentativa de fazê-la parar. No entanto, ele também virou alvo dos ataques.

Na gravação, Leandro diz a mulher: “vai, continua xingando preto”, ao que ela responde: “É preto, macaco, e aí? Preto, macaco, chimpanzé. Posta que eu vou te processar e pegar dinheiro. Xingo o quanto quiser, tenho carta branca. Preto, macaco, chimpanzé, orangotango. Vai, posta”.

Em seguida, Leandro desligou a câmera e foi para casa. “Eu não consegui ver o vídeo até hoje. Não dormi direito, fiquei pensando nisso. O que mais me dói é que meu filho estava comigo. Ele é um moleque sossegado, talvez seja só uma preocupação minha, mas não sei como fica a cabeça dele. Depois conversei com ele e disse que o pai tomaria uma providência”, contou.

Segundo a Secretaria da Segurança Pública (SSP), o caso foi registrado como injúria racial pelo 35º DP, mas é investigado pelo 97º DP Americanópolis, responsável pela área. A investigação, de acordo com a pasta, está em andamento para identificação da autora e esclarecimento dos fatos.

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS