Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
24°
cotação atual R$

Notícias / Notícias Brasil

DISPARADA DE PREÇOS

Bolsonaro pede redução de lucro em supermercados para que preços diminuam

terça-feira, 08/09/2020, 22:27 - Atualizado em 08/09/2020, 22:48 - Autor: Fonte: Reuters


| PR

Quem foi ao supermercado pôde constatar que os preços dos itens básicos aumentaram consideravelmente no último mês. As reclamações chegaram ao presidente Jair Bolsonaro que afirmou, nesta terça-feira (8), que o Governo estuda medidas, por meios dos ministérios da Economia e da Agricultura, para dar uma resposta à disparada nos preços de alimentos nos mercados, mas descartou qualquer tipo de tabelamento ou atitude mais enérgica contra os empresários.

O presidente apenas pediu aos empresários do setor para que diminuam a margem de lucro a quase zero.

"Tenho apelado para eles (donos de supermercados), ninguém vai usar caneta Bic para tabelar nada, não existe tabelamento, mas estou pedindo a eles que o lucro desses produtos essenciais no supermercado seja próximo de zero", disse Bolsonaro em evento no Planalto transmitido pelas redes sociais do presidente.

Bolsonaro citou especificamente altas no preço do arroz e do óleo de soja, e disse esperar uma normalização a partir da colheita da próxima safra, em janeiro e dezembro.

Enquanto isso, afirmou, o governo está estudando medidas. "Sei que outras medidas estão sendo tomadas pelo ministro da Economia, bem como pela ministra Teresa Cristina (da Agricultura) para nós embasarmos então a resposta a esses preços que dispararam nos supermercados", afirmou, sem dar detalhes.

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS