Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
29°
cotação atual R$

Notícias / Notícias Brasil

OPERAÇÃO SNAKE

Homem que criava Naja e outras cobras é preso no Distrito Federal

quarta-feira, 29/07/2020, 12:47 - Atualizado em 29/07/2020, 12:46 - Autor: Com informações Portal do Holanda


Pedro Henrique Santos Krambeck Lehmkul foi preso no apartamento onde morava, no Distrito Federal.
Pedro Henrique Santos Krambeck Lehmkul foi preso no apartamento onde morava, no Distrito Federal. | Reprodução

O universitário Pedro Henrique Santos Krambeck Lehmkul, foi preso na quarta-feira (29), no apartamento onde morava na região administrativa, no Distrito Federal.

Ele foi picado por uma naja que ele mesmo criava junto com outras cobras venenosa em seu quarto, passou dias na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e quase morreu.

Ele sofreu necrose em um dos braços e estava em coma induzido por conta da potência do veneno em seu organismo. Pedro recebeu a primeira dose do antiofídico horas depois de ter sido picado. A substância só existia no Instituto Butantan, em São Paulo, que enviou todas as doses em estoque para Pedro, mas os pais do jovem também conseguiram importar mais 10 unidades dos EUA.

As serpentes que ele criava em cativeiro foram abandonadas por um amigo em uma via pública. Pedro não tinha autorização para criar os animais, e a maioria deles eram de origens da África e Ásia, e tinham entrado de forma ilegal no país.

Polícia localiza mais uma cobra de jovem picado por naja

Por isso, ele e outras pessoas estão sendo investigados na Operação Snake, que apura os crimes ambientais e destruição de provas relacionadas a crimes ambientais.

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS