Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
27°
cotação atual R$

Notícias / Notícias Brasil

FATURAMENTO

Empresa de ex de Wassef recebeu mais de R$ 41 milhões no governo Bolsonaro

domingo, 21/06/2020, 10:47 - Atualizado em 21/06/2020, 10:47 - Autor: Com informações do UOL


Governo Bolsonaro pagou $ 41,6 milhões a uma empresa  ligada à ex-mulher e sócia do advogado Frederick Wassef.
Governo Bolsonaro pagou $ 41,6 milhões a uma empresa ligada à ex-mulher e sócia do advogado Frederick Wassef. | Reprodução

Uma empresa ligada à ex-esposa e sócia do advogado Frederick Wassef, recebeu R$ 41,6 milhões durante a gestão de Jair Bolsonaro (sem partido). As informações são do UOL.

O valor se refere a pagamentos efetuados entre janeiro de 2019 e junho deste ano pelo governo federal para a Globalweb Outsourcing — empresa fundada por Cristina Boner Leo.⠀

Segundo um levamento feito pelo UOL, os valores pagos à Globalweb em menos de um ano e meio da gestão Bolsonaro, R$ 41 milhões, já chegam aos pagos à empresa nos quatro anos de gestão compartilhada por Dilma Rousseff (PT) e Michel Temer (MDB), R$ 42 milhões.

A empresa presta serviços de informática e tecnologia da informação a diferentes órgãos da administração federal, como o Ministério da Educação e o BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Social).

Vale lembrar que Wassef defende o senador Flávio Bolsonaro (Republicanos-RJ) e é amigo da família Bolsonaro.  Foi, inclusive, no escritório dele em Atibaia (SP), que Fabrício Queiroz foi preso na última quinta-feira (18),

Queiroz é apontado pelo Ministério Público do Rio de Janeiro como operador financeiro da suposta "rachadinha" no antigo gabinete de Flávio na Assembleia, onde ele exerceu mandato de deputado estadual entre fevereiro de 2003 e janeiro de 2019.

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS