Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
29°
cotação atual R$

Notícias / Notícias Brasil

OLHA A RESPOSTA

Ministro da educação do Brasil cita Matrix e é xingado por diretora do filme

segunda-feira, 18/05/2020, 17:37 - Atualizado em 18/05/2020, 16:37 - Autor: Com informações do portal UOL


| Reprodução

O ministro da educação do Brasil, Abraham Weintraub, parece não ter escolhido bem a referência ao falar da pandemia do covid-19 nas redes sociais: ele resolveu citar uma cena da franquia de filmes “Matrix” para defender o fim do isolamento social, e a própria diretora da produção respondeu de maneira nada gentil para Weintraub.

O diálogo pouco amigável ocorreu no dia 4 de maio quando o ministro postou uma cena do primeiro filme em que o personagem Neo (Keanu Reeves) precisa escolher entre tomar a “pílula vermelha” e acordar para a realidade, ou tomar a “pílula azul” e continuar na simulação em que vive.

Para Weintraub, isso é uma referência à “histeria” que seria a atual pandemia, que, só no Brasil, já matou mais de 16 mil pessoas.

Mas a própria diretora e roteirista de Matrix, Lilly Wachowski, acabou entrando na discussão e mandou o ministro da educação ‘se fod*r’. Ela dirigiu a franquia de sucesso ao lado da irmã, Lana Wachowski.

A mesma resposta de Lily também foi  dada para o bilionário Elon Musk e para a filha de Trump, Ivanka. Estes também entraram na onda de oferecer a “pílula vermelha” para que a população acorde para a realidade e saiam do isolamento social proposta como forma de vencer a pandemia do coronavírus. 

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS