Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
30°
cotação atual R$

Notícias / Notícias Brasil

"IDEIA DETURPADA"

Dono do Madero se diz triste por repercussão em que minimiza mortes por Covid-19

terça-feira, 24/03/2020, 23:39 - Atualizado em 24/03/2020, 23:51 - Autor: Com informações do Paraná Portal


Comentário sobre as mortes por Covid-19 causaram repercussão negativa para o empresário nas redes sociais
Comentário sobre as mortes por Covid-19 causaram repercussão negativa para o empresário nas redes sociais | Reprodução

Depois de ter minimizado as mortes das vítimas da pandemia do novo Coronavírus (Covid-19) ao redor do mundo, o empresário Júnior Durski, dono da rede de restaurantes Madero, disse que ficou triste com a repercussão de sua fala, que foi “deturpada”.

Em pronunciamento, Bolsonaro critica fechamento de escolas, ataca governadores e culpa mídia. Assista!

Parlamentares se dizem perplexos com pronunciamento e chamam Bolsonaro de irresponsável

“Estranhei com a repercussão porque toda a ideia é muito deturpada. As pessoas têm a interpretação que bem entendem. Triste”, se limitou a declarar em entrevista ao Paraná Portal nesta terça-feira (24).

No vídeo de 4 minutos que publicou em suas redes sociais, Durski diz que o país não pode parar “por cinco ou sete mil mortes” e que os danos econômicos serão maiores do que as mortes que o vírus pode causar.

Covid-19 pode ser um agravante para pacientes com tuberculose caso não seja tratada

“O país não aguenta, não pode parar dessa maneira. As pessoas têm que produzir e trabalhar. Não podemos [parar] por conta de cinco ou sete mil pessoas que vão morrer. Isso é grave, mas as consequências que vamos ter economicamente no futuro vão ser muito maiores do que as pessoas que vão morrer agora com o coronavírus”, disse o empresário.

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS