Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
26°
cotação atual R$

Notícias / Notícias Brasil

STF DECIDIU

Censura a especial de Natal do Porta dos Fundos é derrubada

quinta-feira, 09/01/2020, 23:07 - Atualizado em 09/01/2020, 23:06 - Autor: Com informações do Diário do Nordeste


O filme veiculado na Netflix retrata Jesus gay que se relaciona com outro homem.
O filme veiculado na Netflix retrata Jesus gay que se relaciona com outro homem. | Reprodução/Youtube

Foi suspensa pelo Supremo Tribunal Federal (STF), na noite desta quinta-feira (9), a decisão da Justiça do Rio de Janeiro que censurou o especial de natal do Porta dos Fundos, filme veiculado na Netflix que retrata Jesus que se relaciona com outro homem.

O relator da reclamação é o ministro Gilmar Mendes, mas como o STF está em recesso, quem decidiu pela suspensão foi o ministro Dias Toffoli.

LEIA MAIS:

Porta dos Fundos: vídeo mostra explosão quase atingindo vigilante

Entidade que pediu retirada de vídeo do Porta dos Fundos já processou o grupo

Justiça decide retirar do ar especial do Porta dos Fundos

A censura à produção teve fim após a Netflix acionar o Supremo contra a decisão do desembargador Benedicto Abicair, alegando que desrespeitou julgamentos americanos do tribunal ao impor “restrições inconstitucionais à liberdade de expressão, criação e desenvolvimento”.

ATAQUE À PRODUTORA

O tema abordado saiu do terreno das “polêmicas na internet” para “caso de polícia”. Na madrugada do dia 24 de dezembro, a produtora do Porta dos Fundos foi alvo de um ataque por Eduardo Fauzi Richardo Cerquise, posteriormente identificado como o autor do crime.

(DOL com informações do Diário do Nordeste)

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS