Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
25°
cotação atual R$

Notícias / Notícias Brasil

"ATÉ DEMORARAM"

Queiroz aparece e xinga promotores de Justiça. Ouça!

segunda-feira, 28/10/2019, 21:32 - Atualizado em 28/10/2019, 21:43 - Autor: Com informações do UOL


| Reprodução

O Queiroz acabou voltando com tudo para os holofotes da mídia. Em um novo áudio divulgado na tarde desta segunda-feira (28) pelo portal UOL, o ex-assessor do clã Bolsonaro xinga os promotores do Ministério Público do Rio de Janeiro que fizeram uma denúncia contra ele.

No áudio, Fabrício Queiroz não se mostra surpreendido com a investigação aberta para apurar sua conduta como funcionário do gabinete de Flávio Bolsonaro. Queiroz diz que a investigação sobre as rachadinhas no gabinete 'até demoraram'. 

"Esses depoimentos, cara, eles vão lá e pegam mesmo, esses filhos da puta, rapaz. Até demorou a pegar. O Agostinho foi depor no dia 11 de janeiro, parece que ele foi depor. Já publicaram o depoimento dele na íntegra", disse Queiroz em áudio divulgado pela jornalista Constanza Rezende. 

Agostinho a quem se refere Queiroz é Agostinho Moraes da Silva, ex-funcionário de Flávio Bolsonaro na Assembleia Legislativa do Rio, que disse em depoimento ao MP-RJ que depositava dois terços do salário na conta de Queiroz- cerca de R$ 4 mil.

Queiroz se refere ao inquérito aberto a partir de dados do Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf), hoje Unidade de Inteligência Financeira (UIF), que apontam "movimentações atípicas" em sua conta, no valor de R$ 1,2 milhão.

A investigação do MP-RJ foi paralisada no dia 15 de julho, depois de uma decisão do ministro Dias Toffoli, presidente do Supremo Tribunal Federal.

Ouça o áudio de Fabrício Queiroz:

 

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS