Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis


25°
R$

Notícias / BabyDOL

BABY DOL

Carnaval: meu filho deve ir? Dicas e opções gratuitas para curtir a folia com os pequenos

quinta-feira, 21/02/2019, 12:25 - Atualizado em 02/07/2019, 12:42 - Autor: null


“A Helena me acompanha desde os três meses. Quando tem algum aniversário, algum evento, a gente já vai de mala e cuia, com trocador, mamadeira e tudo mais. Ela gosta mesmo do agito, adora música”, conta a jornalista Ellen Silva, ao falar da sua parceira de folia, a filha Maria Helena, hoje com seis meses.



Mas, afinal, festas de carnaval e bloquinhos de rua são espaços para bebês? A pediatra Ana Larissa Melo, do Hapvida Saúde, garante que sim, desde que hajam alguns cuidados com a alimentação, troca de fralda e hidratação.




Segundo a pediatra, a idade ideal para os pequenos iniciaram a folia nos bloquinhos de rua é a partir dos seis meses, quando as primeiras doses das vacinas já foram ministradas.


Visualizar esta foto no Instagram.

Apesar de muitas pessoas acreditarem que a vacina é somente para crianças, existem vacinas para atualização da caderneta em todas as fases da vida. ⠀ ⠀ Atualmente, são oferecidas à população brasileira 19 vacinas recomendadas pela Organização Mundial da Saúde. São mais de 300 milhões de doses, por ano, todas adquiridas pelo Ministério da Saúde e distribuídas aos estados e municípios visando à imunização de crianças, adolescentes, adultos e pessoas idosas. Elas são disponibilizadas pela rede pública de saúde de todo o país, gratuitamente, para combater mais de 20 doenças.⠀ ⠀ Navegue entre as imagens e confira a caderneta de vacinação de toda a família. Para mais informações de cada vacina, você também pode acessar a pasta de Destaques de Stories aqui no nosso perfil no Instagram. O nome da pasta é "Vacinas".⠀ ⠀ Saiba mais sobre as vacinas acessando saude.gov.br/vacinacao⠀ ⠀ ⠀ ⠀ #VacinarÉProteger #Saúde #SUS #SaúdeDeTodos #BrasilSaudável

Uma publicação compartilhada por Ministério da Saúde (@minsaude) em



Outra dica da especialista aos pais é que optem por blocos infantis ou com perfil familiar, que aconteça, durante o dia e em locais abertos, arborizados ou com sombra.



Respeitar os limites da criança e evitar exageros também são alguns cuidados adotados por Ellen para garantir uma bagunça divertida e segura ao lado da filha Helena.


“Agora no Carnaval, estamos aproveitando. Ela já foi comigo para todos os arrastões das escolas que a gente desfila. Eu sempre levo trocador, água, suco. Agora que ela começou a fazer a alimentação, levo uma papinha, a mamadeira, estamos sempre preparadas. As roupas ou fantasias são sempre leves para não incomodar muito e assim ela vai aproveitando”, explica Ellen.





A troca de fralda é outra palavra de ordem. Segundo a pediatra, não deve ultrapassar quatro horas para não ficar cheia de urina, evitando assaduras nos bebês.


“Na presença de fazes, a troca deve acontecer o mais breve possível. Uma dica é levar na bolsa do neném lenços umedecidos, que facilitarão nesse momento, e ter uma quantidade razoável de fraldas descartáveis extra de boa absorção”, alerta.



Helena na folia do 'Arrastão do Quem São Eles' ao lado da tia e da mãe. (Foto: Arquivo Pessoal)


A folia na vida de Helena começou quando ela ainda estava na barriga da sua mãe. Ellen, que trabalha com produção de eventos voltados para o samba, conta que a filha já estava acostumada com toda essa movimentação. “Eu trabalhei até o oitavo mês de, então, era uma rotina de todo domingo ou tinha um evento semanal. A festa começada desde cedo. Ela já estava dentro do agito desde a barriga”.




Além da diversão, Ellen explica que é uma forma de se divertir ao lado da filha e da família. A paixão pelo carnaval é tanta, que elas se preparam para assistir ao desfile das escolas de samba na Sapucaí, no Rio de Janeiro.



“Ela gosta, dança, se diverte. É uma forma de eu me divertir também. A dica para poder curtir é deixar as coisas preparadas, saber tudo o que você pode precisar e levar. A gente não tem nenhuma dificuldade. Minha mãe, que também adora carnaval, sempre vai junto com a gente. De fato é o primeiro carnaval da Helena e ela está aproveitando bastante. Segunda-feira a gente viaja para o Rio para assistir ao desfile. Já estamos organizando tudo para ela poder curtir junto com a gente”, diz Ellen.


Ouça uma playlist especial para a folia dos pequeninos:


 



 



BAILINHOS DE CARNAVAL EM BELÉM


Carnaval é a época mais animada do ano. Atualmente são milhares de opções voltadas para os pequenos foliões, com com diversão para toda a família. Veja algumas opções de programações gratuitas em Belém:












Leia também: 






Coordenação: Gustavo Dutra/DOL


Multimídia: Gabriel Caldas/DOL

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS