Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
29°
cotação atual R$

Notícias / AgroPará

PUBLICAÇÃO

Revista Agropará completa 20 edições com pioneirismo e inovações

domingo, 20/09/2020, 08:00 - Atualizado em 19/09/2020, 23:02 - Autor: Laís Azevedo


| Wagner Santana

A revista Agropará foi o primeiro suplemento exclusivamente voltado para o agronegócio no estado, algo impensável até o seu lançamento em 2015, e que vem colhendo bons frutos até aqui. A publicação chega à sua 20ª edição e já é reconhecida no setor produtivo, junto com o prêmio Agropará, que anualmente premia os melhores do campo em 18 categorias.

A revista é trimestral, apresenta conteúdo editorial leve e de linguagem fácil para que o público leitor possa conhecer o setor, um dos mais importantes para o Estado. Com a diversidade de reportagens, que inclui assuntos tão diferentes, de diversos setores, como produção, culinária, moda, tecnologia, pesquisa e tudo o que envolve o agronegócio. “O agro é uma das atividades mais pulsantes da nossa economia há bastante tempo”, aponta Clayton Matos, diretor de redação do DIÁRIO DO PARÁ, que publica a revista encartada gratuitamente.

Apesar de ser voltada a um segmento específico, é voltada para todos os públicos, devido à linguagem fácil, apresentando ao leitor não habituado ao agronegócio um novo olhar para este setor. “Sempre estamos mostrando como funciona esse setor e por que ele é tão importante para nossa economia e que também influencia em nosso cotidiano sem percebermos tanto”, reitera Matos. Já para quem é do ramo, a Agropará é a oportunidade de colocar em evidência o melhor do setor e suas novidades, inclusive as tecnológicas, cada vez mais importantes para o avanço do Pará no cenário brasileiro e internacional.

Fábio Nóvoa, editor da revista, explica que em toda a edição se procura mesclar conteúdos de serviços, pesquisas, tecnologias, além de curiosidades e comportamentos, sem abrir mão da informação bem apurada. “Podemos falar de novas máquinas agrícolas, plantações, criação de gado, mercado, ciência, cultura, tecnologias, moda, saúde, e toda uma gama de informações que envolve o setor, riquíssimo em pautas e demandas. Tornar possível falar sobre o setor não apenas para o empreendedor rural, mas também para a dona de casa, o estudante e o trabalhador. Por isso temos uma resposta positiva de todos”, detalha Nóvoa.

Pelas páginas já passaram reportagens sobre a presença das mulheres no agronegócio, o interesse crescente dos jovens em carreiras ligadas ao setor, pesquisas de melhoramento genético, o crescimento do rebanho de búfalos no arquipélago do Marajó, entre tantos destaques que movimentam esta importante parte da economia paraense. O diretor comercial do grupo RBA, Nilton Lobato, diz que foi esse cenário tão promissor e de tantas novidades que estimulou a criação da revista.

Nilton Lobato (Diretor Comercial do Grupo RBA).
Nilton Lobato (Diretor Comercial do Grupo RBA). Irene Almeida
 

“O Pará é referência nacional no setor de agronegócio, sendo um dos setores mais fortes da economia brasileira, tendo recordes de produção em diversos setores, programas de qualidade máxima e investimentos em pesquisa e tecnologia de ponta. Por todos esses motivos, o DIÁRIO resolveu dar maior visibilidade, reconhecimento e incentivo para este setor que gera tantos empregos e renda para o povo paraense”, diz Nilton. Ao longo de suas 20 edições, a Agropará conseguiu ainda agregar diversos parceiros e chegou à criação da grande premiação do agronegócio - o Prêmio Agropará.

“O prêmio é uma forma de valorizar os destaques do agronegócio paraense ao final de cada ano. Há uma concorrência forte no setor, uma busca incessante das empresas, produtores e demais profissionais em realizar ótimos trabalhos e concorrer à premiação em sua categoria. O prêmio é o carimbo de qualidade aos que valorizam a produção, tecnologia, geração de empregos e gestão. Ele serve como reconhecimento e estímulo aos participantes e aqueles que querem participar da premiação no futuro”, explica Matos.

Parceiros deste grande projeto desde a sua primeira edição, o Banco da Amazônia também destaca a importância dessas iniciativas para o setor, especialmente para os produtores rurais, sejam eles pequenos, médios ou grandes.

“Por meio das edições da revista, pode se ter acesso a várias informações relevantes a todos os setores produtivos do agronegócio paraense. Chegar a 20ª edição é um fato muito importante. E nós do Banco da Amazônia parabenizamos a todos que fazem a Revista e o DIÁRIO, por levar informação acerca desse segmento que é tão estratégico para o estado do Pará”, diz Luiz Lourenço de Souza Neto, Gerente Executivo de Pessoa Física da instituição financeira. A revista Agropará se destaca pela diversidade de temas especiais destacados nas suas páginas. Por meio das edições da revista, pode se ter acesso a várias informações relevantes a todos os setores produtivos do agronegócio paraense”, diz Luiz Lourenço, Banco da Amazônia

Nilton explica que a revista preenche uma demanda de informação para o agronegócio

Sempre estamos mostrando como funciona o setor do agronegócio e por que ele é tão importante para nossa economia e que também influencia em nosso cotidiano sem percebermos tanto”Clayton Matos, diretor de Redação do DIÁRIO DO PARÁ.

 


Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS