Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
28°
cotação atual R$

Esporte / Parazão

Parazão

TJD-PA pode julgar pedidos do Santa Cruz na sexta

sábado, 06/04/2013, 20:32 - Atualizado em 06/04/2013, 22:55 - Autor:


O Campeonato Paraense de futebol está suspenso por determinação do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) e ainda não tem data e nem previsão para reiniciar.


Como a decisão do STJD envolve diretamente o Tribunal de Justiça Desportiva do Pará (TJD-PA), a reportagem do DOL ouviu o presidente do Tribunal estadual, Antônio Barra Brito, que afirmou que a sessão que irá julgar o mandado de garantia e o pedido de impugnação da partida contra o Paysandu, solicitados pelo Santa Cruz de Cuiarana, só deverá ocorrer na próxima sexta-feira (12) ou na segunda-feira (15).


“O STJD determinou que o TJD-PA julgue o mandado de garantia e o pedido de impugnação de partida solicitados pelo Santa Cruz-PA para que o campeonato possa reiniciar, porém, na sessão ordinária dessa segunda-feira (8) não vamos julgar estes casos. Nada impede que chamemos uma sessão extraordinária, mas o Santa Cruz entrou com pedido de impugnação de partida na sexta-feira (5), e tenho que seguir a norma e preciso dar dois dias para as partes interessadas – FPF e Paysandu - se manifestarem e mais dois dias para a procuradoria e para o relator. Sendo assim, a sessão só poderia ocorrer na sexta-feira (12) ou na próxima segunda-feira (15), que é o dia da sessão ordinária do Tribunal”, explicou o presidente do TJD-PA.


Perguntado sobre a possibilidade dos jogos de ida das semifinais do segundo turno do Parazão ocorrerem no próximo final de semana, caso a decisão do TJD-PA seja favorável ao recomeço do campeonato, Barra Brito avalia que essa é uma decisão que só compete à FPF e aos clubes envolvidos.


“Isso tudo é uma questão de logística. A Federação e as agremiações vão ter que ver se é possível fazer a rodada. Compete a eles deliberarem sobre isso” defende Brito.


(Felipe Melo/DOL)

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS