Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
28°
cotação atual R$

Esporte / Parazão

Parazão

Tuna, 110 anos, enfrenta Paragominas, de apenas um

sexta-feira, 05/04/2013, 06:40 - Atualizado em 05/04/2013, 06:40 - Autor:


A Taça Estado do Pará vai ter em seus duelos semifinais partidas de alto valor simbólico. De um lado, a rivalidade do clássico Re-Pa. Na outra ponta, temos um embate, frente a frente, da agremiação mais velha a disputar o Parazão, a Tuna Luso com 110 anos, e a mais jovem, o Paragominas que acaba de completar um ano. Embora a Tuna Luso tenha muito mais tradição, a realidade aponta que o Paragominas leva vantagem – em dois duelos oficiais duas vitórias sobre a Tuna. Se quiser fugir do rebaixamento a velha Águia vai ter de mudar o panorama dos embates com o jovem Jacaré.


O técnico Cacaio, que fazia sua estreia no comando do time no duelo da última rodada do primeiro turno, não gosta de comparar aquele primeiro duelo com os seguintes. “Não tive tempo de mexer muito na equipe para aquele jogo. Se prestar atenção o próprio Paragominas mudou de comando e de time, de lá pra cá, então prefiro tirar como parâmetro o último duelo, onde jogamos bem, abrimos vantagem mas não soubemos administrar. Isso me deixa confiante para esses jogos” afirma.


Um jogador que se mostra ansioso pelo duelo é o volante Rodrigo Santarém. Ex-atleta do São Raimundo, o atleta tem sido constantemente acionado no time principal quando algum dos volantes é improvisado em outra posição. “Joguei no time principal quando o Daniel foi pra lateral esquerda e agora vou ter uma chance, já que o Maranhão vai para a direita. É uma situação de improviso, e eu respeito os meus colegas, mas no que depender de mim não quero mais sair da cabeça de área tunante não” disse Rodrigo.


PFC define equipe titular logo mais 


Mesmo com apenas dois dias para o primeiro jogo das semifinais, o Paragominas Futebol Clube ainda não definiu o time que deve entrar em campo contra a Tuna Luso Brasileira, na manhã de domingo (7), no Souza. O Jacaré do Norte não poderá contar com três jogadores para a partida deste fim de semana: os laterais Magno, Carlinhos Maraú, além do atacante Weller. O trio está no Departamento Médico. Todos com problemas musculares. A equipe que entra em campo só será definida hoje.


Na última quarta-feira, a equipe realizou um coletivo no qual algumas modificações já puderam ser observadas: Rondinelli deve se manter na lateral-direita, substituindo Magno. Devan deve entrar no lugar de Maraú pela esquerda. No ataque, Jayme deve repetir a dupla com Aleílson.


Diferente da maioria dos jogos realizados no Parazão, Tuna e Paragominas se enfrentam pela manhã, um período ainda inédito para o Paragominas. Para acostumar os jogadores, Charles Guerreiro solicitou os treinos logo pela manhã. “Os treinos matinais são para acostumar os jogadores para, no dia do jogo, sentirem menos o calor”, disse o técnico.


A partida entre Paragominas e Tuna acontece domingo, às 9h30. O jogo de volta será em Paragominas. O PFC joga pelo empate no placar agregado.


(Diário do Pará)

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS