Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
30°
cotação atual R$

Esporte / Parazão

Parazão

Remo não quer adiar julgamento de Leandro Cearense

quarta-feira, 06/03/2013, 20:11 - Atualizado em 06/03/2013, 22:23 - Autor:


O atacante do Clube do Remo, Leandro Cearense, vai ser julgado amanhã, às 17h, pelo Tribunal de Justiça Desportiva do Pará (TJD/PA), em função da expulsão no jogo contra o Águia de Marabá, ainda pela fase classificatória do primeiro turno do Parazão.


Segundo o diretor de futebol do clube, Maurício Bororó, a direção azulina não vai pedir o adiamento da audiência, embora o atacante esteja relacionado para jogar contra o Santa Cruz de Cuiarana, amanhã, às 20h30, possivelmente como titular. “Eu estarei levando o atleta, que vai ser defendido pelo advogado Luiz neto. Ele e outros dois jogadores, que vão testemunhar, sairão da concentração direto para o tribunal”, explica o diretor.


Mesmo se for punido, Leandro Cearense está liberado para jogar amanhã, já que primeiro o TJD/PA terá de notificar o clube. O problema é a distância entre o tribunal, localizado no bairro do Guamá, e o Mangueirão, local do jogo do Remo. Se o julgamento durar por muito tempo, Leandro e os dois atletas que vão testemunhar podem se atrasar.


Para evitar qualquer imprevisto, o diretor remista vai pedir prioridade no julgamento. “Vamos alegar isso para que o Leandro seja o primeiro a ser julgado. A audiência deve durar entre trinta e quarenta minutos”, argumenta.


Leandro Cearense foi expulso pelo árbitro Benetido Pinto da Silva, que relatou na súmula do jogo que o atacante recebeu cartão vermelho “por atingir um soco na altura do rosto do seu adversário, Adriano, fora da disputa de bola”.


(Jorge Luís Rodrigues/DOL)

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS