Esporte / Pará

EDIÇÃO ELETRÔNICA

Presidente da Remoçada é executado dentro de um Uber em Belém

Sexta-Feira, 09/03/2018, 13:13:45 - Atualizado em 10/03/2018, 12:38:46 Ver comentário(s) A- A+

Presidente da Remoçada é executado dentro de um Uber em Belém (Foto: Diego Beckman/DOL)
(Foto: Diego Beckman/DOL)

Luis Cláudio Ferreira Pinheiro, presidente da torcida organizada do Clube do Remo (Remista/Remoçada), foi executado com vários tiros, no início da tarde desta sexta-feira (9), na travessa Humaitá entre as avenidas João Paulo II e Almirante Barroso, em Belém.

A vítima estava em dentro de um Uber, após sair de uma reunião, quando dois homens em uma motocicleta pararam ao lado do veículo e executaram Luis com vários tiros e fugiram logo em seguida.

 

PRESIDENTE ANTIGO TAMBÉM FOI MORTO

Luis Cláudio assumiu a presidência da Torcida Remista, antiga Remoçada, após o antigo presidente, Patrick Rodrigues, também ser morto dentro de um hospital na capital paraense, em menos de um ano.

O Instituto Médico Legal (IML) foi acionado.

Ainda não há informações do que teria motivado o crime, mas a polícia militar da área acredita que seja rixa de torcedores.

VEJA TAMBÉM: Não é a primeira vez que briga entre torcidas acaba em morte no Pará

A Uber se pronunciou neste sábado (10) e confirmou que o veículo onde Luis Cláudio foi morto tem registro no aplicativo, mas que, "até onde foi possível apurar", tudo indica que a viagem não foi feita por meio do aplicativo.

(DOL com informações de Alice Martins/Diário do Pará)







Comentários