Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
30°
cotação atual R$

Esporte / Mundo

Mundo

Toto Wolff diz que Hamilton não é tão reconhecido como deveria

quarta-feira, 26/06/2019, 10:25 - Atualizado em 26/06/2019, 10:25 - Autor:


Pentacampeão mundial de Fórmula 1, soberano nas últimas temporadas, recordista em vários aspectos e líder absoluto na temporada 2019. Esses são alguns dos feitos de Lewis Hamilton na principal categoria automobilística. Ainda assim, o piloto inglês não possui o reconhecimento que merece, ao menos para um dos principais nomes da Mercedes: Toto Wolff.

Em entrevista concedida ao site Motorsport.com, Wolff disse estar certo de que, quando Hamilton encerrar a carreira, será um dos melhores, se não o principal, piloto de todos os tempos. Porém, alertou que as conquistas do piloto são pouco reconhecidas, inclusive no Reino Unido.

“No geral, no Reino Unido, Lewis não é reconhecido como ele deveria ser”, disse. “Um dia ele vai se aposentar com vários recordes em sua carreira e as pessoas vão dizer ‘ele foi o melhor piloto do mundo e nós testemunhamos isso’. Ele não tem sido uma personalidade interessante com todas as coisas que fez?”, questionou o diretor executivo da Mercedes.

“Por algum motivo, ainda estão atacando ele, porque com certeza isso rende uma manchete melhor, talvez venda mais jornais, ou dá mais cliques. Eu acho que você não leva em conta que estamos tendo a oportunidade de ver, talvez, o melhor piloto da história em uma jornada excepcional”, completou Toto Wolff.

Com a vitória em Paul Ricard, na França, liderando de ponta a ponta, Hamilton chegou aos 187 pontos no Mundial de pilotos, 36 à frente do companheiro de Mercedes e segundo colocado Valtteri Bottas. Na atual temporada, inclusive, Hamilton venceu seis das oito provas disputadas, entre elas o polêmico Grande Prêmio do Canadá.

“Muitos anos atrás nós decidimos – a fim de extrair todo o potencial que está nos indivíduos desta equipe, não apenas dos pilotos – tentar entender como todos os indivíduos se concentram melhor. Isso é por não colocar as pessoas em caixas e restringir como elas devam levar sua vida. Uma das coisas que não funciona para Lewis é aplicar um espartilho ao redor dele. Ele funciona melhor quando você dá a ele a liberdade de seguir sua paixão”, finalizou.

Fonte: Gazeta Esportiva

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS