Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
30°
cotação atual R$

Esporte / Mundo

EFEITO COVID-19

COI admite adiar Olimpíadas de Tóquio após apelo de atletas

domingo, 22/03/2020, 18:52 - Atualizado em 22/03/2020, 18:52 - Autor: Com informações do UOL


| Divulgação / COI

O apelo dos atletas e comitês parece que começa a surtir efeito: o Comitê Olímpico Internacional (COI), admitiu neste domingo (22), que poderá adiar os Jogos Olímpicos de Tóquio, no Japão, previsto para julho e agosto deste ano.

A decisão veio após uma videoconferência entre o COI e diversas autoridades do esporte, em reunião realizada hoje e a decisão final em torno dos Jogos sairá em até quatro semanas.

Para avaliar o adiamento, o COI terá de observar vários assuntos em torno da Olimpíada, como por exemplo, obras na Vila Olímpica e outros locais de prova, além da venda de ingressos e hotéis japoneses que reservaram quartos durante os quinze dias de jogos.

Para o presidente do COI, Thomas Bach, a medida ainda é da cautela, mas o dirigente já viveu uma experiência similar. “Tive a experiência da incerteza como atleta nos preparativos para os Jogos Olímpicos de Moscou, em 1980. Francamente, eu preferiria que os tomadores de decisão tivessem levado mais tempo para decidir sobre uma base de informações mais sólida”, diz o Bach.

A posição do COI reforça a tese de países como EUA, Austrália, Espanha e o Brasil, que defendem a realização das Olimpíadas para 2021.

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS