Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis


25°
R$

Esporte / Mundo

ARGENTINA

Goleiro morre após defender pênalti com o peito

quinta-feira, 11/07/2019, 19:08 - Atualizado em 16/07/2019, 19:09 - Autor: Fonte: Uol


| Reprodução

Um goleiro de apenas 17 anos morreu após defender um pênalti com o peito, na Argentina. Na partida da Liga amadora Norteña, Ramón Coronel, que jogava pelo Club Unión de Golondrina, morreu durante o jogo.

Segundo a agência Télam, o rapaz foi defender uma cobrança de pênalti e a bola bateu em seu peito. Testemunhas disseram que ele se levantou na mesma hora, muito feliz pela defesa e começou a comemorar, mas logo em seguida caiu desmaiado.

Alguns jogadores logo notaram que o rapaz não esboçava nenhuma reação e todos ficaram aflitos. Foi neste momento que os jogadores perceberam que o caso era bem mais grave do que estavam imaginando.

O desespero foi ainda maior quando ficaram sabendo que não havia uma ambulância de prontidão no estádio, mas o pai do goleiro estava lá de carro e levou o filho até o hospital, só que era tarde demais, pois os médicos disseram que ele já chegou lá sem vida.

Eduardo Coronel, pai do goleiro que morreu, deu uma entrevista algum tempo depois e declarou: “Não entendo como um jogo pode acontecer sem ambulância no local”.

Ainda não foi confirmado o local do velório. A partida foi cancelada e não há previsão de como ficará o resultado deste jogo, pois alguns acham que os dois times deveriam disputar novamente os 45 minutos, mas outros acham que o certo seria começar de onde parou.

O caso ainda será investigado e a polícia tentará descobrir quem foi o responsável pela partida e o motivo de não ter uma ambulância de plantão no estádio.

 

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS