Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
27°
cotação atual R$
Brasil

Everton diz para Seleção deixar vaias de lado e fala em pressão por jogar no Brasil

quarta-feira, 19/06/2019, 00:05 - Atualizado em 19/06/2019, 00:05 - Autor:


A Seleção Brasileira deve deixar de lado as vaias de sua torcida. Essa é a opinião do atacante Everton, que falou após o empate sem gols da Seleção Brasileira com a Venezuela, nesta terça-feira, na Arena Fonte Nova.

“(Temos que) deixar de lado. Temos que refletir muito dentro de campo e hoje não conseguimos essa vitória que era esperado. Tem a pressão de estar jogando no Brasil com o apoio da nossa torcida. Mas espero que consigamos focar e buscar a vitória no próximo jogo”, afirmou.

No segundo tempo, Everton, então no banco de reservas, ouviu a torcida brasileira na Fonte Nova cantar em uníssono “Ah, é Cebolinha”. Tite ouviu os pedidos e colocou em campo o atacante, que entrou bem na partida e fez a jogada do terceiro gol canarinho anulado pela arbitragem.

“Procuro dar o meu melhor, fui e feliz e pude contribuir, mas infelizmente anularam o gol. A equipe deles estava muito fechada, tivemos dificuldade com isso, mas infelizmente faltou o gol. Eles vieram bem postados. O que faltou mesmo foi o gol, faltou a posse de bola e transformar isso em chances. Temos que concentrar porque o campeonato é tiro curto, vamos pegar o Peru, que vem evoluindo a cada jogo, como a Venezuela, que provou isso hoje”, completou.

Fonte: Gazeta Esportiva

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS