Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
24°
cotação atual R$
Brasil

Coutinho se destaca e Everton surpreende; veja notas da Seleção Brasileira

sexta-feira, 14/06/2019, 23:35 - Atualizado em 14/06/2019, 23:35 - Autor:


A Seleção Brasileira não jogou um futebol brilhante na noite dessa sexta-feira, mas venceu a Bolívia por 3 a 0 no estádio do Morumbi e deu um importante passo logo na estreia da Copa América.

Depois de ir para o intervalo vaiado pelo público, o time de Tite marcou três gols na etapa final. Destaque para Phillippe Coutinho, que foi às redes duas vezes. Everton, que jogou apenas os minutos finais, marcou o gol mais bonito do jogo e ofuscou de vez uma atuação apagada de David Neres.

Tite não pôde contar com Arthur e apostou em Fernandinho. Seu time custou a encontrar os espaços, mas se manteve superior e dono do jogo o tempo todo.

Vejas as notas:

Alisson: Sem nota (não foi exigido).
Daniel Alves: 4 (Pouco apareceu na linha de fundo, apesar da escalação de Fernandinho para lhe dar suporte e liberdade).
Marquinhos: 5 (Seguro no pouco que precisou trabalhar).
Thiago Silva: 6 (Também participou pouco atrás pela postura dos bolivianos, mas levou perigo na frente em bolas aéreas).
Filipe Luís: 4 (Tentou tabelas com David Neres. Nenhuma jogada de destaque).
Casemiro: 7 (Correu muito e dominou seu setor. Chegou a levar uma caneta, mas venceu praticamente todos os duelos individuais).
Fernandinho: 4 (Ficou sem função no jogo, já que a Bolívia pouco investia no ataque. Poderia ter contribuído mais com a criação).
Phillippe Coutinho: 8 (O melhor em campo. Marcou dois gols, um de pênalti e outro de cabeça, e participou bastante do jogo. Sofreu um pouco para encontrar espaços na criação).
Richarlison: 7 (Voluntarioso. Participou dos dois gols e foi inteligente ao trocar de posição com Firmino na jogada do segundo tento brasileiro. Ainda assim, errou demais. As tomadas de decisão erradas culminaram no desperdício bons ataques da Seleção. Saiu aos 38 minutos do segundo tempo).
David Neres: 5 (Tímido em campo. Não teve sucesso no embate com seus marcadores. Aos 35 minutos do segundo tempo, foi substituído).
Roberto Firmino: 6 (Não soube aproveitar as dezenas de bolas cruzadas à área, mas se movimentou bem e deu assistência para o segundo gol do Brasil. Acabou substituído aos 18 minutos do segundo tempo).
Gabriel Jesus: 5 (Entrou no lugar de Firmino, recebeu o apoio do público, fez algumas jogadas de efeito, mas saiu sem sequer chutar a gol).
Everton: 7 (Entrou no lugar de David Neres e em apenas 2 minutos em campo foi para cima da marcação, sem medo, à vontade e marcou um golaço de fora da área. Deixou boa impressão).
Willian: Sem nota (Jogou apenas os minutos finais).
Tite: 6 (Poderia ter escalado um time mais ofensivo, sem dois volantes de características tão parecidas na marcação diante da Bolívia, que jogou praticamente o tempo todo no campo defensivo. Não ousou nas substituições, mas manteve um time sólido e dominante o tempo todo.)

Fonte: Gazeta Esportiva

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS