Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
30°
cotação atual R$
Brasil

Andressa Alves relembra gol e prevê “Copa mais difícil de todas”

quarta-feira, 05/06/2019, 17:50 - Atualizado em 05/06/2019, 17:50 - Autor:


A Copa do Mundo feminina está chegando, na próxima sexta-feira, assim como a estreia do Brasil na competição, no domingo, diante da Jamaica. Remanescente da edição de 2015, a jogadora Andressa Alves, atacante do Barcelona, lembrou-se de um momento importante com a camisa amarelinha: seu primeiro gol em um Mundial.

“Foi uma jogada pela direita, em que a Rafa lançou a bola para mim. Aí recebi nas costas da zaga, a goleira saiu e eu só dei um toque por baixo. Mas a zagueira da Espanha continuou na jogada, tirou a bola em cima da linha. Eu vendo que ela ia chegar, continuei. Quando ela afastou a bola, sobrou para mim e eu chutei por cima dela. Se eu tivesse parado, daria tempo de a zagueira tirar a bola e eu não teria feito o gol”, relembrou com facilidade.

O jogo era Brasil e Espanha, um empate tenso e sem gols, no dia 13 de junho de 2015. Foi com esse primeiro gol da atacante que a Seleção garantiu a classificação antecipada da Seleção às oitavas de final da competição. Depois de ter balançado as redes, Andressa entrou em êxtase e não soube como comemorar o gol. O “chamado” veio justamente de Marta, que lhe deu um abraço.

“Você não sabe como comemorar! Eu só corri. Eu lembro que a Marta veio me abraçar, eu a abracei e depois empurrei. É uma sensação muito especial quando você marca seu primeiro gol em uma Copa. Não dá para pensar em nenhuma comemoração, é só correr e abraçar todo mundo que vem pela frente”.

Agora, em 2019, ela não nega seu desejo de continuar marcando com a camisa do Brasil em Mundiais, mas garante que o foco principal está no coletivo da equipe. Na Copa “mais difícil de todas”, o mais importante é que o grupo todo trabalhe em busca deste inédito título.

“Espero que nosso time faça bastante gols, independente de quem seja. (O importante) é que a gente vença. Acho que essa vai ser a Copa do Mundo mais difícil de todas, as seleções estão muito equilibradas e o nível do futebol feminino cresceu muito. Essa Copa vai ser a mais bonita, em termos de transmissão e de jogos”, finalizou.

A Seleção Brasileira feminina estreia na Copa no próximo domingo, às 10h30 (de Brasília), diante da Jamaica. Depois, ainda enfrentará a Austrália e a Itália, nos dias 13 e 18 de junho, respectivamente.

Fonte: Gazeta Esportiva

Conteúdo Relacionado


0 Comentário(s)

MAISACESSADAS